A MORTE DE CHRISTIANE RIERA

A dramaturga Christiane Riera morreu ontem, aos 44 anos, em SP, em decorrência de um câncer de pulmão. Christiane era formada em letras e possuía mestrado e doutorado em dramaturgia e crítica dramática pela Universidade Yale. Entre seus trabalhos recentes, está a colaboração no roteiro de Xingu, de Cao Hamburger. Foi consultora de roteiros da produtora Gullane Filmes, em que trabalhou com diretores como Laís Bodanzky e Heitor Dhalia. Depois de trabalhar com Fernando Meirelles em O Jardineiro Fiel, foi para a O2 Filmes, onde avaliava roteiros e coordenava a dramaturgia de longas e desenvolveu episódios para a série Os Filhos do Carnaval e Antônia.

O Estado de S.Paulo

12 de maio de 2012 | 03h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.