A cobiça

Marte e Saturno em sextil; a Lua que cresce em Capricórnio será Vazia das 17h58 até as 20h33, horário de verão de Brasília.

Quiroga, O Estado de S.Paulo

11 de novembro de 2010 | 00h00

Nossa humanidade se perde quando abandona a Lei que a fez nascer, uma que está inscrita misteriosamente no íntimo do coração, uma ordem secreta que, se obedecida, agrega beleza, verdade e bondade ao mundo. Porém, aqui na Terra é fácil perder-se, porque tudo é distorcido, a cobiça parece ser o melhor alvo a ser conquistado e por ela orientar-se durante todo o percurso existencial. A cobiça decide a sorte de nossa humanidade e aos poucos ela se desfaz de sua origem divina, deixando de fazer a parte que a toca para agregar beleza, verdade e bondade ao mundo, preservando a ordem cósmica. A cobiça faz com que nossa humanidade substitua a potência cosmogônica que poderia ser por uma expressão limitada de aparente fausto e poder.

ÁRIES 21-3 a 20-4

Alguns relacionamentos nunca voltarão ao que era antes e, por isso, melhor desistir e reduzir a importância desses ao que for possível e necessário. Melhor apostar no misterioso futuro que se desenha por aí.

TOURO 21-4 a 20-5

Em vez de ricochetear entre o otimismo e o pessimismo, parta do princípio mais realista possível. Nunca dará tudo certo, mas tampouco as coisas descambarão para o mais negativo eternamente. A realidade é outra.

GÊMEOS 21-5 a 20-6

Em geral, seria natural queixar-se pelas circunstâncias adversas limitarem sua atuação. Porém, não é isso que acontece agora, você ganhou uma margem de manobra extra e agora precisa fazer algo com ela.

CÂNCER 21-6 a 21-7

Todos os ofícios são importantes, porque o que interessa não é que uns sejam mais do que os outros, mas que todos cumpram suas funções com o maior empenho possível para que o grande panorama seja belo e verdadeiro.

LEÃO 22-7 a 22-8

Aquelas pessoas que mais temem você são as que tomam atitudes na tentativa de intimidar você. Por isso, em vez de assustar-se com as ameaças ou críticas,

trate tudo com divina indiferença. Paire acima de tudo isso.

VIRGEM 23-8 a 22-9

Conclua o que estiver em andamento antes de iniciar novos empreendimentos. A superposição de projetos não seria uma boa escolha, mas se não houver outra saída, pelo menos dê mais atenção ao que puder ser finalizado.

LIBRA 23-9 a 22-10

Mantenha tudo em movimento porque a dinâmica tornará leves alguns assuntos que de outra forma teriam peso enorme no momento atual. Ainda que as tarefas sejam mínimas, dê a elas importância fundamental.

ESCORPIÃO 23-10 a 21-11

Tentar entender os acontecimentos da atualidade através do uso da lógica seria reduzir a beleza e verdade a uns poucos fatos, que não são tão importantes assim. O que importa não é a aparência, mas a essência.

SAGITÁRIO 22-11 a 21-12

O respeito não se conquista aos gritos, mas com palavras verdadeiras e exemplos concretos. Quando as coisas sobem de tom e tudo descamba para o lado agressivo, tenha certeza, nada de bom poderá resultar disso.

CAPRICÓRNIO 22-12 a 20-1

Há assuntos que apenas uma palavra seria suficiente para impedi-los. Porém, há outros que nem forças divinas poderiam detê-los. São esses que se encontram em movimento na atualidade. Nada tema, siga o curso do seu rio.

AQUÁRIO 21-1 a 19-2

Por meio de você se expressam forças biológicas, correntes morais, potências cosmogônicas e o próprio espírito universal. Agora falta apenas escolher em qual dessas formas de expressão sua consciência se apoiará.

PEIXES 20-2 a 20-3

Procure obstinadamente a melhor forma de agir perante as circunstâncias. Compreenda que o estilo de sua ação reverberará na forma de exemplo. Sem preocupar-se excessivamente com nada, siga em frente.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.