A Califórnia, por Oskar Metsavaht

Na Galeria Logo, diretor criativo da grife Osklen mostra pela primeira vez no Brasil seu trabalho como fotógrafo

FLAVIA GUERRA, O Estado de S.Paulo

27 de abril de 2014 | 02h14

Oskar Metsavaht é um viajante. Do tipo que sempre registra as paisagens por onde passa com suas muitas câmeras. "Adoro câmeras, fotografar e filmar. E tenho sempre uma à mão", conta o diretor criativo da Osklen, que busca sempre nas coleções da marca propor referências que retratem as formas, curvas, cores e texturas das paisagens e cidades que fazem parte de sua vida. De Aspen a Ipanema, passando até pelas cinzas de um incêndio que atingiu a fábrica da Osklen, no Rio, em 2010, Oskar vê sempre um ponto de contato entre a moda, a fotografia, as artes como um universo integrado.

Um dos resultados de suas experimentações pode ser conferido na exposição In California, que ele inaugurou nesta semana na Galeria Logo, em São Paulo. Esta é a primeira vez que Oskar, que já expôs na Art Basel de Miami, na PhotoArt BA em Buenos Aires e na Quintenz Gallery, em Aspen, exibe seu trabalho em uma mostra aberta ao público no Brasil. "Estou feliz com a oportunidade. É bom poder revelar esta faceta do meu trabalho no meu País. Hoje, uma das coisas que mais me dá prazer, que me inspira, é retratar coisas, pessoas, lugares pelos quais eu passo e que passam por mim", declara o diretor criativo.

Elementos essenciais. Antes de In California, o exercício de observação contínua de Oskar resultou Elements of Style, que ele expôs na conceituada Quintenz Gallery de Aspen no início deste ano. São sequências que registram Ipanema, onde ele mora, e as montanhas de Aspen, quase uma segunda casa de Oskar, onde ele pratica snowboarding há duas décadas. "Aspen é especial. Sempre atraiu artistas, escritores, cineastas. E acabou ficando famosa. Depois, começou a entrar para o circuito de turismo e muita gente a enxerga hoje com preconceito, mas de fato não a conhece. É um lugar inspirador, exuberante", conta. "Assim como há quem não me conheça como fotógrafo, também há quem não conheça esta face de Aspen. Foi muito bom poder ter retratado este lugar", afirma ele.

É seu olhar sobre o que parece óbvio, mas tem suas nuances, que o motiva em In California. Em ângulos que fogem do comum, a natureza e o universo fashion se comunicam. Não se trata de fotos de moda, nem de turismo, mas sim da observação de um viajante. As cenas típicas da Califórnia, com palmeiras, píeres, praias, sol, ganham elementos inusitados, como esferas metálicas, e novas formas pelas lentes de Oskar, gaúcho de Caxias do Sul.

No entanto, para ele, não se trata de uma mostra clássica de fotografia, e sim uma espécie de instalação em que imagens se comunicam. "Neste trabalho, que passa ao largo da moda, mas que se comunica com ela, divido o que sinto, o que vejo, o que sonho", explica o diretor criativo, que revela uma Califórnia onírica, mas ao mesmo tempo real.

Para completar, a exposição ainda conta com um vídeo feito por Oskar. "É uma forma de poder traduzir o que a gente sente quando visita o lugar. Já fiz isso com outras viagens e até em coleções da Osklen", adianta ele, que para a coleção na São Paulo Fashion Week Verão 2015, no início do mês, foi buscar inspiração em Inhotim, Minas Gerais.

"É um centro de arte contemporânea, mas também um jardim botânico. É maravilhoso, mágico, onde a arte inspira e emociona. Foi uma experiência única poder levar minha equipe, que passou vários dias estudando o lugar, as formas, as cores, as referências, os tecidos com que iríamos criar a coleção", lembra. Da experiência, nasceu ainda um vídeo, que será mostrado em breve ao público. "Seja Califórnia, Aspen, Ipanema, olho para as curvas da paisagem, dos vestidos, das pranchas, com o mesmo encantamento. São elementos que me atraem, que ganham a minha atenção."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.