A bela de Lost e o sorriso de Benicio

Se há uma coisa que nunca falta aqui são mulheres bonitas na tradicional montée des marches, a subida da longa escadaria, pelo tapete vermelho, que faz o cerimonial de todas as noites.

, O Estado de S.Paulo

18 de maio de 2010 | 00h00

Mas uma mulher vem se destacando, até agora ? Evangeline Lilly, uma das estrelas da série Lost. Bela e elegante, ela tem feito sensação.

Benicio Del Toro e Kate Beckinsale, que integram o júri oficial, têm sido vistos com frequência nas sessões de outra mostra, Un Certain Regard, da qual Juliette Binoche é outra habituée. As reações de Benicio durante a sessão de O Leopardo, de Luchino Visconti, em Cannes Classics, foram um filme à parte. Ele riu, se emocionou e, no desfecho, disse que filmes assim são cada vez mais raros. Uma jornalista brasileira lembrou que o entrevistara durante a Mostra, no ano de Che.

Ele teve uma reação curiosa. Disse "Sao Paulo!" e riu de maneira enigmática. O que terá feito sorrir Benicio Del Toro? Que lembrança foi essa de sua passagem pela cidade? / LUIZ CARLOS MERTEN, DE CANNES

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.