Imagem Luis Fernando Verissimo
Colunista
Luis Fernando Verissimo
Conteúdo Exclusivo para Assinante

80 concubinas

Qualquer coisa pode ser uma mensagem de Deus, se você está disposto a acreditar em qualquer coisa

Luis Fernando Verissimo, O Estado de S.Paulo

20 de agosto de 2020 | 03h00

Epifânio era um bispo conhecido pelo rigor dos seus princípios. No século 4.º, quando a Igreja definia seus próprios dogmas em longos debates, Epifânio representava a ortodoxia conservadora que a mantinha no caminho da verdade, mesmo que essa “verdade” fosse o que mais se discutia na época. Pela firmeza das suas posições, Epifânio tinha enorme influência sobre os outros bispos e na redação das “verdades” consagradas nos concílios como doutrinas. Para garantir a pureza das verdades reveladas, Epifânio identificou 80 heresias a serem banidas dos ritos e sacramentos da Igreja.

Mas Epifânio não conseguiu dormir naquela noite. Sua identificação de heresias estaria certa? (Agostinho produzira sua própria lista, com 83 heresias). 80 seres humanos seriam marcados como hereges e atravessariam os tempos com aquela cicatriz moral. E quem era ele – um mero mortal, um mortal especial pela sua relação especial como Deus, mas um mortal assim mesmo –, quem era ele para determinar quem era um herege e quem era um equivocado? 

E então Deus atendeu às preces de Epifânio, que lhe pedia ajuda, uma orientação que fosse. E Deus dirigiu os passos de Epifânio à sua Bíblia, e instruiu Epifânio a abrir a Bíblia nos Cantares de Salomão, onde estava escrito: “Sessenta são as rainhas, e oitenta as concubinas, e as virgens sem número”. E Deus disse que aquela era sua mensagem, e que as oitenta concubinas confirmavam o acerto de Epifânio em identificar os hereges e bani-los dos ritos e sacramentos da Igreja. E Epifânio foi dormir satisfeito, certo de que fora justo. E não lhe ocorreu perguntar o que hereges tinham a ver com concubinas.

A história do bispo Epifânio é verdadeira, só não sei o que significa. Talvez que qualquer coisa pode ser uma mensagem de Deus, se você está disposto a acreditar em qualquer coisa. Ou então que não é preciso muito para convencer conservadores a caçar hereges. 

Tudo o que sabemos sobre:
religião

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.