3 mil fotos tiradas por Robert Capa são descobertas no México

Imagens inéditas retratam combates e cenas cotidianas durante os anos da Guerra Civil na Espanha

Efe,

27 de janeiro de 2008 | 13h20

Mais de 3.000 fotografias inéditas tiradas por Robert Capa foram descobertas depois de ficarem 68 anos escondidas no México.     O jornal The New York Times publicou neste domingo, 27, algumas das imagens que mostram a Guerra Civil espanhola e que estavam contidas em 127 filmes fotográficos guardados em três caixas que chegaram às mãos do general mexicano Francisco Javier Aguilar González, em 1940.   Quase 70 anos depois de terem sido enviadas para o México, a cineasta Trisha Ziff conseguiu localizar as caixas com a ajuda dos descendentes de Aguiar González, que, antes de ser diplomático no Extremo Oriente e na França, lutou na revolução mexicana sob as ordens de Pancho Villa.   As imagens, algumas delas feitas por David Seymour e por Gerda Taro, companheira de Capa, mostram combates e cenas cotidianas durante os anos da Guerra Civil na Espanha.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

  • Stan Lee: todas as 29 aparições nos filmes da Marvel
  • Projeta Brasil do Cinemark apresenta filmes brasileiros por apenas R$ 4
  • Glória Maria faz cirurgia para remover lesão cerebral e passa bem
  • MIS abre novo lote para exposição imersiva de Da Vinci 
  • Mônica San Galo lamenta morte de Jesus Sangalo: 'pode-se morrer de mágoa'

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.