1000 filmes do Merten: Na Mubi, um clássico de Malle

Em tempos de pandemia, existem outros serviços de streaming que não os da Netflix e da Amazon, com uma cartela mais alternativa

Luiz Carlos Merten, O Estado de S. Paulo

12 de maio de 2020 | 03h00

Já imaginou ver a jovem Jeanne Moreau ao som da trilha de jazz improvisada por Miles Davis num clássico que antecipou a nouvelle vague? Corre para o serviço de streaming da Mubi. 

Quer uma intrigante discussão sobre lendas urbanas da cidade de São Paulo? É só ir para o Spcine Play, cujo catálogo também oferece filmes da Mostra de São Paulo, da Mostra do Audiovisual Negro, do É Tudo Verdade e do Festival Entretodos, e muito mais. 

Em tempos de pandemia, existem outros serviços de streaming que não os da Netflix e da Amazon, com uma cartela mais alternativa. É só escolher, pagar por mês – ou desfrutar de uma semana de experiência – e você poderá desfrutar de muita coisa boa e até rara para ver em casa.

O Estranho Caso de Angélica

O português Manoel de Oliveira virou um dos autores preferidos do público da Mostra. Morreu centenário, cultuado por filmes como esse, sobre fotógrafo que se apaixona por noiva morta, e ela ganha vida através da lente de sua câmera. O neto do diretor, Ricardo Trêpa, a bela espanhola Pilar López de Ayala, a trilha de Chopin. Espiritismo, ou uma sutil indagação sobre o cinema enquanto linguagem? Spcine Play. 

Nasceu o Bebê Diabo em São Paulo

Esse é para quem gosta de bizarrices. Muitas lendas urbanas viraram temas de reportagens na mídia sensacionalista. O Bebê Diabo, a Loira do Banheiro, a Gangue do Palhaço. A diretora Renata Druck investiga todos esses casos num documentário que passou no É Tudo Verdade de 2002. É mais do que tempo de ganhar o público de uma nova geração, atraído por terror. Spcine Play.

Ascensor para o Cadafalso

O clássico de Louis Malle precursor da nouvelle vague francesa. Jeanne Moreau convence o amante a matar seu marido e, para ter um álibi, anda por Paris – ao som da trilha que Miles Davis improvisou no estúdio vendo o filme. O plano de assassinato seria perfeito, se não fosse o elevador. Mubi.

Anjos da Cara Suja

O clássico da Warner nos anos 1930, com direção de Michael Curtiz e interpretações de James Cagney, Pat O’Brien e Humphrey Bogart. Esse é para admiradores de filmes antigos. Cagney e O’Brien cresceram na mesma vizinhança, o primeiro virou gângster, o segundo, padre. Bogart faz o comparsa de Cagney e o filme encontra-se na Oldflix, que tem a maior variedade de clássicos do cinema e da TV do passado, para (re)ver no streaming. Entre lá e vai ver que são muitas atrações.

Tudo o que sabemos sobre:
cinemaLuiz Carlos Merten

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.