Leo Canabarro/Habitat Brasil
Leo Canabarro/Habitat Brasil

10 boas notícias: confira a seleção da semana para ler em tempos de coronavírus (até 1º/8)

Entre as ações inspiradoras, uma ONG instala pias comunitárias em diversas regiões periféricas e uma escola paulistana cria o Drive-thru da Saudade para os alunos poderem rever seus professores

Marina Vaz, O Estado de S.Paulo

01 de agosto de 2020 | 05h00

Para sonhar, livros e contação de histórias. Para preservar a saúde, pias comunitárias e sachês de álcool em gel. Para aplacar a saudade, drive-thru em que alunos podem rever os professores. As necessidades são muitas – físicas ou emocionais.

1. Água corrente. A organização Habitat para a Humanidade Brasil, voltada à promoção de uma moradia mais digna, arrecadou R$ 630 mil que serão utilizados para instalar mais de 300 pias comunitárias em favelas e regiões periféricas de 13 Estados brasileiros. É a campanha Uma Mão Lava Outra, que busca levar, para milhares de famílias, recursos que são tão básicos quanto indispensáveis, principalmente em meio à pandemia – água e sabão. A instalação desses pontos de higiene, que segue durante todo o mês de agosto, já está ocorrendo em cidades como São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Porto Alegre e Recife. A ação foi viabilizada com a ajuda de 200 doadores, um patrocínio da empresa PepsiCo e também com a inclusão da ONG como uma das beneficiárias do projeto 300 Desenhos, em que artistas cederam seus trabalhos para, com a venda, levantar fundos a instituições filantrópicas.

2. Outros mundos. O isolamento social pode ser particularmente difícil para as crianças. Imagine, então, para as que estão hospitalizadas neste momento. Pensando nisso, a Associação Viva e Deixe Viver encontrou uma maneira de continuar o trabalho que faz há mais de 20 anos – levar contação de histórias (e sonhos) a esses pequenos pacientes. Agora, virtualmente. Para tanto, convocou artistas como Emicida, Claudia Raia, Antônio Fagundes e Giovanna Antonelli, que, voluntariamente, gravaram vídeos em casa interpretando diferentes narrativas (disponíveis a qualquer um por meio do site do projeto).

3. Antes de comer. Os frequentadores da unidade Campos Elísios do restaurante Bom Prato – que fornece refeições a preços acessíveis para a população de baixa renda – vão ganhar sachês de álcool em gel para reforçar sua higiene e proteção. Os 6 mil itens foram pela empresa da área gráfica Printi.

4. Passagem carinhosa. Com o atual ensino a distância, os alunos do Colégio Adventista de Mauá, no interior de São Paulo, puderam rever seus professores com uma iniciativa curiosa e adorável – o Drive-thru da Saudade. Ao longo desta semana, vários estudantes, sem sair do carro de seus pais, passaram na frente da escola para rever os educadores, que empunhavam cartazes com mensagens de carinho e esperança. Em retribuição, as crianças e os adolescentes entregavam recadinhos e presentes, além de tirar fotos. Todos sempre usando máscara, claro.

5. Vias do bem. Buscando contribuir para as condições sanitárias e de saúde da população que vive nas ruas de 65 cidades paulistas, o programa Solidariedade nas Ruas vai distribuir 70 mil kits com itens de higiene e limpeza. Cada um é composto por máscaras de proteção individual, frascos de álcool em gel e sabonetes. A ação, promovida pela Secretaria de Desenvolvimento Social do Estado de São Paulo, também inclui, na capital, a entrega de 3,5 toneladas de ração para os cães companheiros de pessoas abrigadas nos Centros Temporários de Acolhimento.

6. Palavras ao vento. A empresa MRV encontrou uma forma de estimular a leitura para crianças e ainda ajudar pais a terem momentos descontraídos e estimulantes com os pequenos, durante a atual epidemia. Por meio de seu instituto, a construtora distribuiu mais de 3 mil kits com livros e materiais interativos para os filhos de seus colaboradores. O público-alvo da ação foram os que têm de 0 a 5 anos de idade.

7. Drive-in sustentável. Alunos da Universidade Witten/Herdecke, localizada no oeste da Alemanha, encontraram um jeito criativo e diferente de promover sessões de filmes, no final do mês de julho. Eles construíram um cinema ao ar livre para receber frequentadores com suas respectivas bicicletas. As informações são da Agence France-Presse.

8. Região unida. Três grandes centros comerciais da zona norte paulistana se uniram para ajudar pessoas em situação de vulnerabilidade social, com a doação de alimentos e kits de higiene e limpeza, e também três hospitais públicos da região, com a entrega de equipamentos de proteção individual (EPIs) para profissionais da saúde. Intitulada Juntos pela ZN contra a Covid-19, a campanha já distribuiu 66 toneladas de comida e mais de 4 mil kits para famílias atendidas por cinco ONGs. Os hospitais – entre eles, o do Mandaqui – receberam, juntos, 12,7 mil máscaras (além de 1,2 mil do tipo N95), 3,2 mil protetores faciais e 2 mil aventais. Para quem quiser contribuir, basta acessar o site do projeto.

9. Exemplo de controle. A cidade de Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, ganhou uma plataforma digital para apontar, em tempo real, novos casos confirmados de coronavírus, além de índices como a ocupação de leitos da UTI. Onze hospitais, entre públicos e privados, aderiram à ferramenta, que permite mais transparência e facilita a gestão na área da saúde. O site LeitosCovid.org foi desenvolvido de forma voluntária pela empresa Nave.

10. Pela literatura. A campanha +Livros quer criar um fundo para beneficiar pequenas editoras, livrarias e autores independentes. Até o momento, a ação já conquistou mais de 400 apoiadores. E a arrecadação segue até o dia 19/8 via Catarse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.