Yoko Ono aprova filme sobre assassino de Lennon, diz jornal

Yoko Ono, viúva de John Lennon, teria dado sinal verde para a exibição de um filme sobre Mark Chapman, assassino do cantor e compositor inglês, o que levantou a ira dos fãs dos Beatles, segundo a edição de hoje do jornal Daily Express. A atriz norte-americana Lindsay Lohan, uma das protagonistas do filme Chapter 27 (Capítulo 27, em português), disse que tinha pedido a permissão de Yoko antes de se envolver com o projeto."Ela me animou quanto ao filme. Acho que me apoiou tanto porque minha posição é de uma grande fã tanto de John (Lennon) como dela", afirmou Lindsay. "É tão doce e generosa", comentou a atriz sobre Yoko, que teria contado a ela muitas coisas interessantes sobre Lennon.Lindsay, que interpreta Jude, uma amiga de Chapman, conseguiu o apoio de Yoko depois de ela ter tentado paralisar no ano passado a filmagem da seqüência em que Lennon é assassinado diante do edifício Dakota, de Nova York.Escrito e dirigido por Jarrett Schaeffer, Chapter 27, que estréia no ano que vem, documenta os problemas mentais que Chapman sofreu após assassinar John Lennon, considerado o mais intelectual dos Beatles.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.