Woody Allen e John Turturro retomam parceria em 'Amante a Domicílio'

Os dois trabalharam juntos há quase 30 anos, em 'Hannah e Suas Irmãs', e lá se vão quase 30 anos

Luiz Carlos Merten, O Estado de S. Paulo

01 de maio de 2014 | 18h13

Talvez seja a melhor piada de Amante a Domicílio - Woody Allen, como Murray, dizendo que Fioravanti (John Turturro) é sexy como Mick Jagger, não George Clooney. Há tempos que Allen não trabalhava como ator em filmes de outros diretores. Mesmo nos próprios filmes, ele tem limitado a presença diante da câmera. A parceria com Turturro retoma o contato que tiveram em Hannah e Suas Irmãs, e lá se vão quase 30 anos.

Desde o começo de sua carreira, ainda somente como roteirista, em O Que É Que Há, Gatinha?, Woody Allen tem se preocupado com a elefantíase do sexo na vida contemporânea. Justamente por isso, e por ser ele um ícone do cinema, Turturro imaginou a situação. Seu personagem está em crise, sem dinheiro. O amigo maduro imagina, dado seu sucesso com as mulheres, que poderá ser um bom gigolô, e se oferece para ser o cafetão. A primeira cliente é a médica Sharon Stone, que recomenda Fioravanti (Turturro) para as amigas, mas ele se envolve com Vanessa Paradis, a ex-senhora Johnny Depp, como a viúva de um rabino ortodoxo.

Amante a Domicílio - e a, a propósito, o correto seria ‘em’ Domicílio - é vendido como comédia e tem cenas divertidas, mas é muito mais uma comédia triste, até um drama. Suas qualidades estão nos detalhes. Fioravanti tem flor (fiore) até no nome. Trabalha com arranjos florais. Possui mãos firmes e fortes, e é delicado. Sharon Stone e Sofia Vergara resistem ao tranco, mas Vanessa é uma flor muito sensível, que precisa desabrochar. Embora mãe de muitos filhos, essa mulher nunca foi tocada. Você sabe como é, se viu Kadosh, de Amos Gitai.

::: Cultura Estadão nas redes sociais :::
:: Facebook ::
:: Twitter ::

A função de Fioravanti será desabrochar a flor para o agente de segurança (Liev Shreiber). Ao fazê-lo, ele descobre que, na verdade, não nasceu para isso. Não? E o que significa aquela última cena? Amante a Domicílio é a versão menos grosseira, não necessariamente melhor, de Gigolô por Acidente, com Rob Schneider. Há toda uma subtrama envolvendo religião - Murray vai parar num tribunal de rabinos, acusado de desvirtuar a viúva. Sofia Vergara, de chicote e pênis postiço, fornece a parte para rir, mas Turturro está mais interessado no drama de Vanessa Paradis e em mostrar como o personagem dele é mais complexo que uma máquina de sexo. Nem lá nem cá, ou meio a meio. Embora não decole, o filme não é desagradável.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.