Winona Ryder ganha elogio de juiz

O juiz do caso de Winona Ryder ainda não tomou umadecisão, mas parece ser contrário à idéia da atriz de leiloarpara instituições de caridade as peças que roubou da loja SaksFifth Avenue, em Beverly Hills, em dezembro de 2001. O juizElden Fox elogiou a atriz pelo cumprimento da pena de 480 horasde serviços comunitários no The City of Hope Medical Center, emLos Angeles. Entre outras coisas, a prisioneira-modelo leu paracrianças doentes. Quanto às peças roubadas, a loja quer que elassejam destruídas. Como pagou US$ 10 mil de indenização, a atriztem a posse dos objetos. O juiz acha, no entanto, que ela nãopode "lucrar" com o leilão. Uma decisão ficou de ser tomada em breve.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.