Winona é acusada formalmente de roubo

A Justiça decidiu acusar formalmente a atriz Winona Ryder de roubo de mercadorias no valor de US$ 4,8 mil da loja dedepartamentos Saks Fifth Avenue, em Beverly Hills, além de posse de um analgésico (Percoset) sem receita médica. Mais de seis meses depois de sua prisão na loja, a atriz ouviu na quinta-feira a decisão proferida pela juíza Elden Fox, que a intimou a comparecer ao tribunal no dia 14. A juíza tomou a decisão no mesmo dia em que depuseram dois seguranças da loja. Eles disseram ter visto, "por meio de frestas nas cabines de prova", a atriz retirartarjas de segurança de roupas e acessórios. A estrela deGarota, Interrompida, de 30 anos, teria tentando sair da loja com osobjetos roubados logo em seguida. Um dos seguranças disse que, de início, não reconheceu Winona, chegando a achar que se tratava de uma "sem-teto". A atriz nega todas as acusações.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.