Will Smith tem cartões clonados

Um sujeito gastou quase US$ 33 mil em cartões de crédito com o nome do ator Will Smith. Carlos Lomax, de 41 anos, declarou-se culpado da acusação de uso indevido dos cartões de Smith, diante do juiz Anal Bloch. Lomax enfrenta uma condenação máxima de 20 anos de prisão e uma multa de US$ 250 mil. A fiscal Mary Beth Buchanan disse que, quando ocorreu a fraude de Will Smith, Lomax estava em liberdade condicional por ter gastado US$ 81 mil em um cartão de crédito no nome de Steve Smith, jogador da equipe de bola ao cesto dos Hawks de Atlanta.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.