Vídeos brasileiros vencem Festival do Minuto

O Festival Mundial do Minuto anunciou na noite de ontem, em cerimônia realizada na casa de espetáculos DirecTV Music Hall, em São Paulo, os filmes vencedores da 9ª edição do evento. Os principais premiados, sem exceção, são brasileiros. Na categoria Vídeo, venceu Roberto Berliner, com Afinação de Interioridade. O melhor trabalho na categoria Internet foi A Tempestade, de Alexsandro Sérgio da Silva e Flávio Américo Tonnetti. Criada este ano, a categoria Trash elegeu como vencedor Vida de Artista, de Miguel Falcão. Com destaque para a categoria Internet, que este ano assistiu ao número de inscritos quadruplicar, o Festival Mundial do Minuto contou com 1071 trabalhos inscritos, 967 obras em Vídeo, 104 especificamente para a rede mundial de computadores (concebidos em formato Real Vídeo ou Flash). Pelo segundo ano, a DirecTV patrocinou o evento. Nesta edição, foi introduzido o voto interativo. Os assinantes da operadora, que assistiram aos filmes no Canal 605, puderam votar por meio do controle remoto.A organização do evento aproveitou a noite de comemorações para anunciar que, a partir do ano que vem, o Festival do Minuto promoverá edições regionais. Outras três cidades já foram selecionadas: Curitiba, Porto Alegre e Ribeirão Preto (SP). O júri era formado por Adhemar Oliveira (exibidor, Espaço Unibanco de Cinema), Adriana Rattes (diretora do Festival do Rio BR), Marina Person (MTV), Vera Zimermann (atriz), Patrick Leblanc (produtor), Soninha Francine (TV Cultura), Rai Oliveira (ex-jogador de futebol), Paulo Borges (organizador de eventos de moda), Philippe Olivier Boutaud (DIRECTV) e Marta Colabone (SESC-São Paulo).Confira a lista completa de premiadosINTERNETA Tempestade, de Alexsandro Sérgio da Silva & Flávio Américo Tonnetti (Brasil) - Melhor Trabalho Categoria Internet - Prêmio Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo, concedido pelo júri oficial do Festival Mundial do MinutoReticências, de Alex Borges (Brasil) - Prêmio UOL concedido pelo júri oficial da UOL Duelo Antes do Jantar, de Ale McHaddo (Brasil) - Prêmio UOL Júri Popular, votação pela Internet VÍDEOAfinação de Interioridade, de Roberto Berliner (Brasil) - Melhor Trabalho Categoria Vídeo - Prêmio SESC, concedido pelo júri oficial do Festival Mundial do MinutoNine Lives, de Jay Rosenblatt (EUA) - Prêmio DIRECTV (para Vídeo - internacional)O Eu do Espelho, de Flávio Costa Rocha (Brasil) - Prêmio TV Cultura (para Vídeo com até 30 segundos), concedido pelo júri da TV CulturaSexo Explícito, de Paula Um Mi Kim (Brasil) - Prêmio DIRECTV, votação eletrônica pelo canal da DIRECTV Corre Renato Corre, de Emiliano Mazza (Uruguai); Jacadi, de Chaïtane Conversat (França); Manteiga, de Marcelo Kertesz (Brasil); Eternidade, de Victor Lema Riqué (Brasil) - Menções Honrosas TRASHVida de Artista, de Miguel Falcão (Brasil) - Melhor Trabalho Categoria Trash - Prêmio Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo, concedido pelo júri oficial do Festival Mundial do Minuto Mindinho, de Bruno Pinaud (Brasil) - Menção Honrosa

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.