Videobrasil lança coleção de DVDs de autores

O videoartista libanês e curador da Fundação Árabe da Imagem Akram Zaatari está em São Paulo para o lançamento do DVD Um Olhar sobre os Olhares de Akram Zaatari, do paulista Alex Gabassi, diretor de outros dois documentários que integram o pacote de quatro DVDs da série Videobrasil Coleção de Autores (Certas Dúvidas de William Kentridge, sobre o desenhista sul-africano, e Rafael França - Obra como Testamento, que resume a trajetória do artista gaúcho, pioneiro da videoarte no Brasil, que morreu precocemente, aos 36 anos, em 1991). A série, produzida pela Associação Videobrasil, vai ser lançada hoje, a partir das 21 horas, no Sesc Pompéia. Além dos filmes de Gabassi, um quarto documentário integra a coleção, o DVD Mau Wal, dirigido por Fabiana Werneck e Marco del Fiol, sobre o trabalho de outra dupla de videoartistas, o brasileiro Maurício Dias e o suíço Walter Riedweg. A Videobrasil Coleção de Autores é uma iniciativa pioneira no registro da história do vídeo. Assim como Zaatari recupera a memória fotográfica e cinematográfica do Líbano na Fundação Árabe da Imagem, em Beirute, destruída por sucessivas guerras, a associação paulista documenta a cada ano a passagem dos maiores realizadores de vídeo pelo festival homônimo que promove. Vale lembrar que a diretora da associação, Solange Farkas, recebe na próxima segunda-feira, na Sala São Paulo, o prêmio ´hors concours´ Sérgio Motta de Arte e Tecnologia. O libanês Akram Zaatari não é tão conhecido como Viola ou Gary Hill, mas é um realizador bastante original, que apresentou suas obras no 14.º Festival Videobrasil, em outubro do ano passado. O diretor Alex Gabassi acompanhou sua rotina em Beirute, registrando o trabalho de recuperação de fotos da Fundação Árabe da Imagem e os passeios pelas ruas de Beirute. Foi na capital, agora reconstruída, que Zaatari gravou vídeos como All Is Well on the Border, sobre os conflitos políticos do Líbano, e Red Chewing Gum, sobre a revolução sexual subterrânea no mundo árabe. O vídeo de Gabassi sobre Zaatari faz uma leitura cortante de sua obra. No final, o brasileiro consegue revelar o drama da diversidade sexual num país árabe sem recorrer ao tique discursivo dos documentaristas. Videobrasil Coleção de Autores - No teatro do Sesc Pompéia. Rua Clélia, 93, 3871-7700. Hoje, às 21h. Exibição de Um Olhar sobre os Olhares de Akram Zaatari. Grátis. Coleção de Autores Videobrasil R$ 160 (pacote) ou R$ 45 (cada).

Agencia Estado,

25 de novembro de 2004 | 18h35

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.