Divulgação
Divulgação

'Tropa de Elite 2' é um dos finalistas do Oscar brasileiro

Entrega dos troféus do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro será dia de 31 maio

Estadão.com.br,

11 Abril 2011 | 14h52

Os filmes Tropa de Elite 2, de José Padilha, e Chico Xavier, de Daniel Filho, estão entre os seis finalistas da categoria longa-metragem de ficção da décima edição do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro, considerado o Oscar brasileiro, que acontece dia 31 de maio, no Teatro João Caetano, no Rio, anunciou nesta segunda-feira a organização do evento. O prêmio da Academia Brasileira de Cinema vai homenagear o casal Luis Carlos e Lucy Barreto.

Além dessa categoria, Tropa de Elite 2 também concorre aos prêmios de melhor direção, ator e atriz principais e coadjuvante, fotografia, arte, figurino, maquiagem, roteiro original, montagem e trilha original.

O Prêmio Especial de Preservação da décima edição do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro vai para a CINEOP - Mostra de Cinema de Ouro Preto. Pioneira no circuito de festivais a destacar em sua programação o patrimônio cinematográfico brasileiro através da exibição de clássicos de nosso cinema, a CINEOP tornou-se um importante instrumento da preservação, memória e identidade da cultura brasileira em contraponto ao cinema moderno nos mais diversos gêneros e formatos.

No sistema de votação do Grande Prêmio todos os sócios votam em eleição direta realizada pela internet em dois turnos. Como não há inscrições para o prêmio, concorrem anualmente todos os filmes lançados no período de 1° de janeiro a 31 de dezembro do ano anterior. Seguem para o segundo turno, como finalistas, os cincos mais votados em cada categoria.

Os curtas-metragens são pré selecionados pela ABD Nacional, pela Associação Brasileira de Cinema de Animação (ABCA), Porta Curtas Petrobras, Curta o Curta e Forum dos Festivais e concorrem nos dois turnos da votação.

O público também poderá votar através do site da Academia Brasileira de Cinema nas categorias: melhor longa-metragem de ficção, Melhor longa-metragem Documentário e melhor longa-metragem estrangeiro.

 

 

 

Finalistas

MELHOR LONGA-METRAGEM DE FICÇÃO

5 x FAVELA, AGORA POR NÓS MESMOS,  de Manaira Carneiro, Wagner Novais, Rodrigo Felha, CacauAmaral, LucianoVidigal, CaduBarcelos, Luciana Bezerra.

 

CHICO XAVIER, de Daniel Filho

AS MELHORES COISAS DO MUNDO de Laís Bodanzky.

OLHOS AZUIS de José Joffily

TROPA DE ELITE 2 de José Padilha.Produção: José Padilha e Marcos Prado por Zazen Produções.

VIAJO PORQUE PRECISO, VOLTO PORQUE TE AMO de Karim Ainouz e Marcelo Gomes.

Mais conteúdo sobre:
cinema brasileiro premiação

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.