REUTERS/Mike Blake/File Photo
REUTERS/Mike Blake/File Photo

Trabalhadores do setor audiovisual recebem R$ 5 milhões de ajuda de fundo emergencial privado

Segundo comunicado do ICAB, Instituto de Conteúdos Audiovisuais Brasileiros, mais de 5 mil profissionais receberam o auxílio de R$ 1.405

O Estado de S.Paulo, O Estado de S.Paulo

18 de setembro de 2020 | 15h15

O Instituto de Conteúdos Audiovisuais Brasileiros (ICAB) anunciou nesta sexta (18) o encerramento dos trabalhos do Fundo Emergencial Covid-19. Criado por meio de uma doação de R$ 5 milhões da Netflix, o fundo calcula que forneceu auxílio pontual a 5 mil trabalhadores e freelancers da indústria cinematográfica e televisiva ligados aos 27 estados do País. O diretor-executivo do instituto, Mauro Garcia, falou sobre a empreitada: “Tem sido extremamente gratificante fazer este trabalho.” A ajuda de R$ 1.045 foi destinada a profissionais de mais de 850 produções afetadas e de mais de 90 posições diferentes no setor, como assistentes de produção, assistente de direção, equipe de câmera, motoristas, editores, assistente de figurino, assistente de arte, contrarregra, eletricista e outras muitas funções da cadeia de produção do audiovisual.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.