Tommy Lee Jones processa produtores de seu último filme

Ator reivindica US$ 10 milhões; 'Onde os Fracos Não Têm Vez', dos irmãos Coen faturou US$ 160 milhões

EFE,

08 de setembro de 2008 | 15h12

O ator Tommy Lee Jones processou os produtores do filme Onde os Fracos Não Têm Vez, por considerar que devem a ele mais de US$ 10 milhões.    No processo, interposto contra os estúdios Paramount Pictures, Tommy Lee Jones alega que foram prometidas a ele "grandes quantias" em participação na renda gerada pelo filme ganhador de quatro Oscars e outras compensações, segundo informa nesta segunda, 8, a imprensa especializada.    Onde os Fracos Não Têm Vez, dos irmãos Joel e Ethan Coen, arrecadou mais de US$ 160 milhões nos cinemas.    O filme ganhou quatro Oscars: Melhor Diretor, Melhor Filme, Melhor Roteiro Adaptado e Melhor Ator Coadjuvante.

Tudo o que sabemos sobre:
TOMMY LEE JONESPROCESSO

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.