Ettore Ferrari/ANSA via AP
Ettore Ferrari/ANSA via AP

Tom Ford volta ao Festival de Veneza para lançar seu segundo filme após sete anos

O suspense 'Nocturnal Animals' é um dos 20 filmes que competem pelo Leão de Ouro, que será entregue em 10 de setembro no festival de cinema mais antigo do mundo

Agnieszka Flak e Hanna Rantala, Reuters

02 de setembro de 2016 | 17h29

VENEZA - Após um hiato de sete anos, Tom Ford voltou a fazer cinema com o suspense Nocturnal Animals, que estreia no Festival Internacional de Cinema de Veneza nesta sexta-feira, e o atarefado estilista prometeu que irá retornar bem mais cedo da próxima vez.

"Abri uma centena de lojas, tive um filho, a vida meio que assumiu o controle e não encontrei o projeto certo durante alguns anos", disse Ford à Reuters nos bastidores do festival. "Então, com sorte, mais três anos até o próximo, e não sete", completou.

O filme exibido em Veneza trata do acerto de contas com as escolhas que se faz na vida. O filme tem Amy Adams como uma dona de galeria de arte atormentada por um livro do ex-marido, que recebe pelo correio depois de anos de silêncio,.

"Ele na verdade fala de encontrar aquelas pessoas na sua vida que significam algo para você e de se apegar a elas", contou o diretor. "A lealdade é algo que certamente é um tema na minha vida pessoal... não largo das pessoas quando elas são maravilhosas, então para mim é disso que se trata."

O suspense é um dos 20 filmes que competem pelo Leão de Ouro, que será entregue em 10 de setembro no festival de cinema mais antigo do mundo e que voltou a ser visto como uma plataforma de lançamento para a temporada de premiações da indústria depois de estrear vários futuros ganhadores do Oscar em suas três últimas edições.

Tudo o que sabemos sobre:
Festival de Cinema de VenezaTom Ford

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.