"Temporadas de Patos" é grande vencedor do Ariel

Temporada de Patos de Fernando Eimbcke obteve 11 prêmios Ariel nas principais categorias, incluindo melhor filme, diretor, ator e atriz. A 67.ª edição do prêmio máximo da Academia Mexicana de Ciências e Artes Cinematográficas, distinguiu também o filme uruguaio Whisky, dos realizadores Pablo Stoll e Juan Pablo Rebella, com o prêmio de melhor filme ibero-americano.Temporada de Patos, filmado em preto-e-branco, foi indicado em 12 categorias em había sido nominada en 12 categorias, empatado com Vozes Inocentes, que figurava entre os três principais filmes da competição.O filme de Eimbcke, que conta a história de adolescentes em um dia de convivência sem outro entretenimento a não ser assistir à televisão e ao vídeo, obteve 11 estatuetas incluindo melhor obra prima de ficção, melhor ator para Enrique Arreola e melhor atriz, Danny Perea.Levou ainda os prêmios de melhor edição direção de arte, som, música composta para o cinema, fotografia, roteiro original e melhor diretor.Vozes Inocentes, o filme de Luis Mandoki sobre as crianças na guerra de El Salvador, obteve três prêmios nas categorias de efeitos especiais, maquiagem e atriz coadjuvante pela personagem da veterana atriz Ofelia Medina.A Academia mexicana também reconheceu com um Arial de ouro o cineasta Julio Pliego por seu documentário e a atriz de origem cubana Carmen Montejo por sua destacada trajetória artística.Os outros filmes premiados foram Huapango, por melhor roteiro adaptado; Conejo en la Luna rendeu a Carlos Cobos o prêmio de ator coadjuvante, De Raíz, de Carlos Carrera, foi eleito pela imprensa o melhor curta-metragem de animação; Un Viaje, de Gabriela Monroy, como melhor curta-metragem de ficção; Soy, de Lucía Gajá, como melhor documentário de curta-metragem. O filme Digna, Hasta el Último Aliento, de Felipe Cazals, ganhou o prêmio de melhor documentário em longa-metragem.

Agencia Estado,

30 de março de 2005 | 19h39

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.