Niko Tavernise/20th Century Fox/EFE
Niko Tavernise/20th Century Fox/EFE

Steven Spielberg celebra fim das filmagens do remake de 'West Side Story'

Cineasta dirige nova versão do musical, que será lançado nos Estados Unidos em dezembro de 2020

EFE, Agência

03 de outubro de 2019 | 07h56

Steven Spielberg anunciou nesta quarta-feira, 2, que terminou sua versão do musical clássico West Side Story (Amor, Sublime Amor) e dedicou um tempo para agradecer e elogiar toda a equipe envolvida no filme.

"Foi uma jornada como nenhuma outra: um encontro alegre, incrivelmente emocionante e cheio de surpresas seguindo a história e a trilha sonora de um dos maiores musicais do mundo", afirmou o cineasta em comunicado. "Meu elenco e equipe de mais de 130 pessoas têm um talento brilhante, um compromisso impecável e são, claramente, incansáveis. Eles deram todo o seu ânimo e posso dizer que o filme que estreará no dia 18 de Dezembro de 2020 (nos Estados Unidos) se deve a eles e a esse diretor infinitamente grato", acrescentou.

Ansel Elgort (Tony), Rachel Zegler (Maria), Ariana DeBose (Anita) e David Álvarez (Bernardo) são os quatro atores que darão uma nova vida a West Side Story (1961), dirigido por Jerome Robbins e Robert Wise, filme que já coleciona dez prêmios do Oscar, incluindo o de melhor filme.

Além de ter um elenco com muitos atores hispânicos, uma das atrações do novo West Side Story será a participação de Rita Moreno, que ganhou o Oscar no filme original, interpretando Anita e que, desta vez, interpretará Valentina. West Side Story adaptou o clássico Romeu e Julieta às ruas de Nova York na década de 1950 e propõe um confronto entre gangues americanas e imigrantes porto-riquenhos.

Tony Kushner, roteirista indicado ao Oscar e vencedor do Pulitzer, foi encarregado de escrever esta nova versão do musical da Broadway, uma peça original escrita em 1957 por Arthur Laurents e Stephen Sondheim com música de Leonard Bernstein.

Spielberg, que tem três Oscars, é um dos diretores mais admirados e populares de Hollywood, graças a filmes como ET the Extra-Terrestrial (1982), Schindler's List e Jurassic Park (ambos de 1993). Saving Private Ryan (1998) ou as fitas de Indiana Jones.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.