"Star Wars" leva 730 mil ao cinema e baixa censura

Star Wars - Episódio 3: A Vingança dos Sith já levou mais 730 mil pessoas aos cinemas brasileiros, de quinta-feira a domingo, segundo estimativas divulgadas pela assessoria de imprensa da distribuidora Fox. A bilheteria total da estréia do episódio que encerra a saga de George Lucas, em 115 países, foi de US$ 303 milhões - US$ 158 milhões nos Estados Unidos e US$ 145 milhões nos outros países. Hoje, o Ministério da Justiça anunciou a redução da classificação indicativa de para 10 anos. A Vingança dos Sith foi inicialmente classificado como inadequado para menores de 12 anos. O esperado filme que mostra a transformação de Anakin Skywalker no vilão Darht Vader bateu recordes em sua chegada aos cinemas. Nos Estados Unidos, foi a maior abertura em um dia e em 3 e 4 dias. Em cartaz em mais de nove mil salas, A Vingança dos Sith rendeu mais de US$ 50 milhões no dia de estréia, na quinta-feira passada, nos Estados Unidos. A Vingança dos Sith arrecadou US$ 124,7 milhões de quinta-feira a sábado, de acordo com estimativas do estúdio. Este valor é maior que o recorde de três dias de Homem-Aranha, que teve US$ 114,8 milhões em maio de 2002. O último episódio da série criada por George Lucas também superou o recorde de quatro dias de US$ 134,3 milhões, que era de Matrix Reloaded, de 2003.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.