Sidney Lumet será premiado com o Oscar honorário

Sidney Lumet, que dirigiu mais de 40 filmes, entre eles 12 Homens e um Sentença (1957), Um Dia De Cão (1975), Rede de Intrigas (1976) e Serpico (1973), finalmente ganhará um Oscar. O Conselho da Academia de Ciências e Artes Cinematográficas votou em favor de conceder a Lumet, de 80 anos, o prêmio honorário da Academia para honrar seus "brilhantes serviços aos roteiristas, intérpretes e à arte cinematográfica". Lumet receberá o Oscar em 27 de fevereiro no Teatro Kodak de Hollywood. A cerimônia será transmitida ao vivo pela rede ABC."Lumet é um dos diretores mais importantes da história do cinema norte-americano e seu trabalho já deixou uma marca indelével tanto no público como na história do cinema" disse o presidente da Academia, Frank Pierson.Nascido na Filadélfia, Lumet estreou no teatro Yiddish de Arte de Nueva York aos quatro anos, e atuou até os anos 50, quando começou a trabalhar como diretor de televisão. Ele estreou nas telas em 1957, com 12 Homens e uma Sentença, que lhe rendeu uma indicação ao Oscar como melhor diretor. Lumet também foi indicado pela direção de filmes como Um Dia de Cão, Rede de Intrigas e O Veredito, assim como uma indicação pela adaptação do roteiro de O Príncipe da Cidade. Entre seus outros filmes estão Assassinato no Orient Express, O Peso de um Passado e Sombras da Lei.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.