Serial killer em "Medo em Cherry Falls"

Medo em Cherry Falls é mais um subproduto do sucesso de Pânico. Mas não é uma paródia como Todo Mundo em Pânico ou Histeria. A fórmula de colocar belos e belas adolescentes num campus, até ficarem sozinhos numa biblioteca ou num corredor deserto, onde encontrarão um matador mascarado, ganhou, neste filme, um toque criativo. Na cidadezinha de Cherry Falls, um serial killer vestido de preto e cabeludo começa a massacrar as garotas virgens. Não se sabe nem se o matador é homem, podendo ser uma drag queen ou uma mulher vigorosa. Enquanto o xerife fica atarantado, sem pistas, sua filha virginal resolve investigar por conta própria, remexendo nos podres da cidade. A população adolescente resolve fazer uma orgia onde o lema é transar ou morrer. Uma surpresa: Brittany Murphy foi tão elogiada pela crítica que a chamaram de sucessora de Jamie Lee Curtis, a imortal vamp de A Hora do Pesadelo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.