TABA BENEDICTO / ESTADAO
TABA BENEDICTO / ESTADAO

Sem público, Petra Belas Artes tem reabertura prejudicada e deve fechar

Em rede social, diretor André Sturm pediu apoio: 'É muito mais seguro que um supermercado, que uma agência bancária, uma academia de ginástica'

Redação, O Estado de S.Paulo

14 de novembro de 2020 | 20h39

O plano de reabertura dos espaços culturais na cidade ainda está apenas começando, mas André Sturm, o diretor do Petra Belas Artes, escreveu neste sábado (14/11) nas redes sociais que o cinema que administra deve voltar a fechar. "O público não retornou", afirma. 

Sturm avalia que o tempo fechado, superior ao de outros espaços públicos, causou impressão negativa nas pessoas. "Infelizmente, os cinemas ficaram (fechados) dois meses a mais que os outros locais na cidade. Isso causou a impressão de que estes são os locais mais perigosos."

No último final de semana, o Petra Belas Artes teve 8% do público em comparação com o mesmo período de 2019, aponta o diretor. "Não dá para manter aberto. Como em dezembro ainda é possível suspender os salários e a equipe receber do governo, fecharemos o Belas neste mês", completou.

Tudo o que sabemos sobre:
Cine Belas Artes

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.