Scorsese e Sarah Ferguson produzem filme sobre rainha

O cineasta americano Martin Scorsese, que recentemente levou o Oscar de melhor filme por Os Infiltrados, se dispôs a colaborar com a duquesa de York, Sarah Ferguson, na produção de um longa sobre a juventude da rainha Vitória da Inglaterra.O filme, que deve se chamar A Jovem Vitória, a protagonista será a atriz britânica Emily Blunt, de 23 anos, que contracenou com Meryl Streep no filme O Diabo Veste Prada. O longa tem direção de Jean-Marc Vallée e roteiro de Julian Fellowes, Oscar de melhor roteiro em 2001 por Assassinato em Gosford Park. O terceiro produtor do filme seria Graham King, do Initial Entertainment Group. Ele afirmou que foi a própria Sarah quem propôs a idéia, informou nesta quinta-feira, 22, o jornal britânico The Times."O povo vê Vitória como uma rainha melancólica, sempre de luto e vestida de preto. Deveria ser recordada como uma formosa jovem, que gostava de caminhar descalça pelo gramado, com uma bela história de amor", explicou a duquesa de York, ao comentar o seu projeto.Sarah Ferguson, divorciada do príncipe Andrew, teve acesso aos arquivos do palácio de Windsor enquanto preparava um livro sobre as viagens da rainha Vitória e outro sobre sua residência favorita, Osborne House. Ela escreveu as duas obras em parceria com a historiadora Benita Stoney.No prólogo do livro Viagens com a Rainha Vitória, publicado em 1993, a duquesa de York disse compreender perfeitamente "os seus desejos de escapar das pressões da vida real" e admirar sua "ânsia de ampliar horizontes".Na tela, Vitória será vivida pela atriz britânica Emily Blunt, de 23 anos, que contracenou com Meryl Streep no filme O Diabo Veste Prada.A produção vai mostrar os anos anteriores à coroação, a primeira etapa de seu reinado e seu romance com o príncipe Albert.O filme, que deve se chamar A Jovem Vitória, a protagonista será a atriz britânica Emily Blunt, de 23 anos, que contracenou com Meryl Streep no filme O Diabo Veste Prada. O longa tem direção de Jean-Marc Vallée e roteiro de Julian Fellowes, Oscar de melhor roteiro em 2001 por Assassinato em Gosford Park.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.