"Scooby-Doo" fatura alto nas bilheterias

Scooby-Doo deu um susto nosfantasmas da crítica este fim de semana. O filme baseado nahistória em quadrinhos, que foi tratado como cachorro pelacrítica americana, surprendeu Hollywood (inclusive o próprioestúdio Warner Bros.) e faturou US$ 56,4 milhões de sexta-feiraa domingo. Foi a terceira maior estréia do cinema americano esteano, atrás apenas dos megahits Homem-Aranha e Episódio 2:Ataque dos Clones. A produção do filme esperava umaarrecadação inicial na faixa dos US$ 30 milhões.O número é impressionante porque o filme custou US$ 80 milhõespara ser produzido (valor que a fita deve faturar em menos dedez dias, apenas no mercado da América do Norte), masprincipalmente porque há muito tempo uma superprodução deHollywood não recebia críticas tão negativas. O consenso geral éde que Matthew Lillard salva a própria pele como uma boainterpretação de Salsicha, mas o resto do elenco é péssimo eScooby-Doo tem algumas das piadas mais sem graça do cinemaatual.Para o jornal New York Times, os efeitos especiais quecriaram o cachorro são "metidos à besta" (US$ 20 milhões doorçamento foram gastos só nisso). Sobram críticas negativastambém para as "obrigatórias piadas de flatulência" e para atrilha sonora pop "de ontem". Para o Los Angeles Times, ofilme é diversão mais descartável do que os episódios de meiahora do show da Hanna-Barbera. Segundo o USA Today, "não éque o desenho animado seja tão bom, mas a maioria dos seusroteiros de 30 minutos são mais interessantes do que esta piadarequentada de uma hora e meia". "É uma mistura de OsCaça-Fantasmas, Alien e Pokemon, sem suas partes boas",publicou o Washington Post.O programa da Hanna-Barbera está no ar na TV americana há maisde 30 anos. Scooby-Doo, Where Are You? estreou na emissorade TV CBS em 13 de setembro de 1969 e é o desenho animado emcartaz há mais tempo na telinha dos Estados Unidos. O cachorrofalante e a gangue da Mystery Inc. Fred, Daphne, Salsicha eVelma, os heróis que solucionam mistérios paranormais jáapareceram em mais de 300 episódios.A direção do filme é de Raja Gosnell, que tem em seu currículoas comédias Vovó Zona, Nunca Fui Beijada, Esqueceramde Mim 3 e Nove Meses. No elenco, estão o casal de verdadeFreddie Prinze Jr. (de Eu Sei O Que Vocês Fizeram no VerãoPassado e outros filmes teens) e Sarah Michelle Gellar (dasérie de TV Buffy, a Caça-Vampiros), como o também casalFred, o vaidoso, e Daphne, a vítima. A caracterização dos doisatores não vai além disso. Ele, por sinal, não convence nem comoloiro.O destaque é Lillard, que está perfeito como o medroso Salsicha.Ele faz uma boa caricatura de um personagem de desenho animado,sem parecer ridículo, e consegue interagir melhor do que osoutros com o Scooby Doo de computação gráfica. Uma boa surpresaé a novata Linda Cardellini, que era conhecida anteriormenteapenas por uma pequena participação na comédia LegalmenteLoira. Ela faz o papel de Velma, que continua nerd, mas estámuito mais magra do que no desenho animado. O vilão éinterpretado por Rowan Atkinson, o Mr. Bean.Uma das fofocas dos bastidores de Scooby-Doo é sobre asvárias cenas que foram cortadas da produção, que ironizavamalguns boatos criados em torno do desenho animado. Muita genteacha, por exemplo, que Velma é lésbica. Uma das seqüênciaspolêmicas é quando Daphne e Velma são possuídas por demônios quegostam de colar os lábios um no outro. A cena em que as duasatrizes trocam um beijo foi cortada da versão final porque odiretor achou "muito provocante". Cenas de conotação sexualentre Fred e Daphne também foram editadas.Uma lendas urbana do cartoon foi mantida: a de que Salsicha fumamaconha. Em um trecho do filme, a van psicodélica usada pelagangue aparece exalando fumaça, ao som de reggae. A piada paraos iniciados fica por conta de que Salsicha e Scooby-Doo estãofazendo um churrasco dentro do veículo. Quando uma personagemdiz que seu nome é Mary Jane, Salsicha diz que este é seu nomepreferido (este é um dos "apelidos" da maconha em inglês). Opersonagem também é o único da gangue que é imune a umamisteriosa fumaça verde que intoxica os outros.Com tanto dinheiro em caixa, é óbvio que uma continuação dofilme está prevista. O anúncio foi feito no fim de semana pelopresidente de distribuição da Warner Bros., Dan Fellman, quegarante que Scooby-Doo 2 vai estrear em 2004. Quem é fã dodesenho animado e quer mesmo conferir o filme vai ter deesperar. A produção tem estréia prevista no Brasil para 4 deoutubro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.