"Scary Movie" é censurado

O chefão da Miramax não quer correr o risco de ofender a maior estrela da casa, a atriz Gwyneth Paltrow. Harvey Weinstein pediu que uma piada do filme Scary Movie seja retirada das versões em vídeo e DVD e no lançamento da comédia em outros países. Tudo porque a tal piada refere-se à estrela como "a namorada de Brad Pitt", e la Paltrow decidiu que não quer mais ser ligada ao nome de seu ex-amado e atual marido de Jennifer Aniston.

Agencia Estado,

03 de setembro de 2000 | 17h43

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.