Sapatos vermelhos de 'O Mágico de Oz' voltam para casa

LOS ANGELES (Reuters) - Os sapatos vermelho-rubi usados por Judy Garland em "O Mágico de Oz" encontraram o caminho de casa. A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas disse na quarta-feira que havia adquirido, com a ajuda de Leonardo DiCaprio e Steven Spielberg, um dos quatro pares sobreviventes dos sapatos lendários feitos para o filme de 1939.

REUTERS

23 Fevereiro 2012 | 12h12

Os sapatos, uma das peças de filmes mais conhecidas do mundo, supostamente foram usados pela personagem Dorothy, de Garland, quando ela bateu três vezes seus calcanhares para poder voltar para Kansas da terra de fantasia de Oz, perto do final do filme.

Os sapatos foram postos à venda pela casa de leilão de Los Angeles Profiles in History em dezembro, com um preço estimado em 2 a 3 milhões de dólares. Mas funcionários da casa de leilão disseram que eles não foram vendidos na época.

A academia, que organiza a cerimônia anual de entrega do Oscar, disse que DiCaprio e Spielberg lideraram um grupo de "doadores anjos" para comprar os sapatos da Profiles in History para um museu organizado pela academia.

Funcionários da academia não quiseram dizer quanto foi pago pelo item. Um par de sapatos vermelhos para "O Mágico de Oz" da coleção da atriz Debbie Reynolds foi vendido por 612 mil dólares em maio de 2011.

"A liderança apaixonada de Leo nos ajudou a trazer para casa essa peça lendária da história do cinema", acrescentou o CEO da academia, Dawn Hudson.

"É um presente maravilhoso para o projeto do museu da Academia, e uma mostra perfeita do trabalho que fazemos durante o ano todo para preservar e compartilhar nosso patrimônio cinematográfico".

(Por Jill Serjeant)

Mais conteúdo sobre:
FILMESAPATOSOZ*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.