Santoro, agora de cueca preta em filme inglês

Rodrigo Santoro se empolga ao falar sobre a comédia romântica Simplesmente Amor (Love Actually), sua nova incursão no cinema internacional. É um filme ótimo, uma homenagem ao amor, diz. Trata-se da primeira fita dirigida por Richard Curtis, roteirista de Quatro Casamentos e um Funeral, Um Lugar Chamado Notting Hill e O Diário de Bridget Jones, que reuniu diferentes histórias de amor passadas em Londres, às vésperas do Natal.Numa delas, Rodrigo, ou Karl, seu personagem do longa, é um arquiteto, alvo da paixão de uma colega de trabalho, Sarah, vivida por Laura Linney (a mulher de Jim Carrey em O Show de Truman). O sentimento é correspondido, mas o caso é enrolado, assim como os demais mostrados na trama: um homem casado assediado pela secretária, um garotinho feio que tenta conquistar a menina mais popular da escola, uma portuguesa e um inglês que se apaixonam, mas não conseguem se comunicar, o primeiro-ministro que cai de amores pela moça que serve o cafezinho, entre outros. O elenco, quase todo inglês, tem nomes como Hugh Grant, Liam Neeson, Emma Thompson, Colin Firth, Keira Knightley e Alan RickmanSe em As Panteras Detonando, Rodrigo não profere palavra, em Simplesmente Amor, é diferente. Mas não muito: até a metade do filme, ele fala apenas alguns good mornings, good nights e bye-byes. A participação é pequena, sim, mas isso é, em parte, justificado pelo grande número de personagens e pelo fato de o núcleo de Rodrigo não aparecer tanto durante os 134 minutos do filme. O brasileiro está bem como o introvertido Karl e tem química com Laura, com quem faz uma cena de quase-sexo (a moça acaba deixando o rapaz na mão por conta de seus problemas familiares). Laura é fantástica, uma atriz supertalentosa, generosa, aberta, carinhosa, gente finíssima?, elogia Rodrigo, que aparece em uma cena só de cueca preta.O papel foi ganho graças à sua atuação em Abril Despedaçado, de Walter Salles. A produtora de elenco de Richard Curtis assistiu ao filme no Festival de Veneza de 2001, gostou do desempenho de Rodrigo e entregou-lhe seu cartão. O segundo contato foi feito depois de As Panteras. O ator fez leituras nos Estados Unidos e, escalado, filmou durante três semanas na capital britânica.A experiência é descrita pelo galã como um sonho. "Trabalhei com atores que admiro há um tempão. Parecia uma piada, como se não fosse verdade?. Ele diz que ainda não há planos para novos trabalhos no exterior. E garante que não está pensando em sair do País. "Se eu tiver a oportunidade de trabalhar fora, que seja na Índia, eu vou, passo um tempo e volto. Adoro minha vida aqui?. Simplesmente Amor estréia no Brasil no dia 5 de dezembro. Além dos atores ingleses, também participam a cantora portuguesa Lucia Moniz, que, ao lado de Colin Firth, é responsável por cenas curiosas, nas quais ela fala em português e ele responde em inglês. Hugh Grant, engraçado e charmoso como de costume, dá de dez a zero em Tony Blair como primeiro-ministro inglês. É dele a seqüência mais engraçada: uma coreografia em plena residência oficial. Os imbróglios amorosos são embalados por belas músicas, como All You Need Is Love e Love Is All around, esta última, em versão inusitada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.