Saem os primeiros vencedores do Festival de Berlim

E começaram a surgir os primeiros vencedores do Festival de Berlim, que termina amanhã a noite com a entrega do Urso de Ouro, embora oficialmente a Berlinale prossiga até domingo, com a reprise dos vencedores e a exibição da versão restaurada da western Pat Garrett e Billy the Kid, de Sam Peckinpah.O júri da Federation Internationale de la Presse Cinematographique anunciou, agora há pouco (ontem no final da tarde), os ganhadores do prestigiado troféu Fipresci. O melhor filme da Berlinale de 2006, segundo a crítica, foi Requiem, do alemão Hans Christian Schimd que, coincidentemente ou não, foi o último filme a ser exibido, de toda a programação. É um filme curioso e o melhor entre os concorrentes alemães, mas houve um certo exagero da crítica. Haviam filmes mais fortes e densos, como Road to Guantanamo, de Michaerl Winterbottom, e Off Side, de Jafar Panahi. Requiem levanta questões interessantes e trata de um tema polêmico, como o exorcismo. Sob certos aspectos, é o Emily Rose alemão, tratando dessa garota epilética e com um histórico de problemas familiares que, de repente, entra em transe místico. A família, não sabendo como agir, chama um exorcista, a garota é submetida a sucessivas sessões para expulsar o que a Igreja teme que seja o Demônio e termina morrendo. Emily Rose era uma mistura de terror e filme de tribunal. Schmid trabalha num registro mais sofisticado. Faz uma investigacão social e familiar para discutir o papel da fé e da religião num mundo que muda rapidamente. Tem seu valor, principalmente se comparado aos demais filmes que integravam a competição, nenhum deles realmente bom (e todos excessivamente preocupados com os desvios do sexo).Os outros dois prêmios da Fipresci para as demais seções do festival foram para Knallhari, de Detlef Buck, no Panorama, e para In Between Days, de So Young Kim, no Fórum. O último, da Coréia, já está agendado para integrar a programação da Mostra de São Paulo, em outubro. É o melhor dos três favoritos dos críticos na Berlinale, como você poderá confirmar até o final do ano.

Agencia Estado,

17 de fevereiro de 2006 | 17h44

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.