Robin Williams tinha mal de Parkinson, diz esposa

Susan Schneider divulgou um comunicado lamentando a morte do ator, e desejando força a pessoas que passem pelos mesmos problemas

AP

14 de agosto de 2014 | 16h03

A esposa de Robin Williams divulgou um comunicado dizendo que o marido estava nos estágios iniciais do Mal de Parkinson, doença degenerativa, e estava sóbrio durante o aparente suicídio.

Susan Schneider disse que Williams estava lutando contra depressão, ansiedade e a doença quando foi encontrado morto no início desta semana, em sua casa, na Califórnia.

Segundo Susan, o ator não estava pronto para divulgar sua condição publicamente.

Tudo o que sabemos sobre:
Robin Williams

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.