Reuters/Arquivo
Reuters/Arquivo

Robert De Niro terá de pagar US$ 30 mil a babá

Alexis Barry acusa ator de não pagar o correspondente a mais de 750 horas de trabalho

EFE, NOVA YORK

21 de janeiro de 2011 | 03h05

O ator americano Robert De Niro e sua mulher, Grace Hightower, terão de pagar US$ 30 mil para encerrar um processo judicial apresentado por Alexis Barry, ex-babá do filho do casal, informa nesta quinta-feira, 20, a imprensa local.

 

Alexis levou o ator à Justiça no ano passado, acusando-o de não pagar a ela o dinheiro correspondente a mais de 750 horas extras de trabalho, detalha o jornal Daily News em sua versão digital.

 

A babá também acusa o casal de não aboná-la US$ 496 de despesas que ela teve durante o tempo que trabalhou para eles, de agosto de 2006 até junho de 2007.

 

"As partes manterão os termos deste acordo de maneira confidencial, assim como qualquer assunto relacionado com a contratação de Barry", indicam os documentos desse tribunal, repercutidos pelo jornal.

Segundo a babá, De Niro e sua esposa a contrataram por US$ 31,25 a hora e US$ 46,88 por hora-extra.

Tudo o que sabemos sobre:
Robert De Niro, indenização

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.