Rio Grande do Sul terá laboratório de cinema

O cinema gaúcho vai ganhar este ano o primeiro laboratório do Estado, que vai baratear o custo das produções locais em 45%. O projeto, idealizado pelo ator e diretor Werner Schünemann, presidente do conselho da Fundação de Cinema do Estado (Fundacine), foi apresentado à iniciativa privada e ao governo estadual, e está em fase de definição de local. "Atualmente, os produtores locais têm de revelar os filmes em São Paulo e, ao custo da revelação, soma-se o gasto com transporte especializado do filme e da equipe", lamenta o cineasta. A idéia do laboratório faz parte do Projeto Cais de Cinema, estrutura que vai começar a ser montada nos armazéns do Cais do Porto da capital, onde funcionarão estúdios equipados e um acervo histórico. "A idéia é criar um suporte industrial para incrementação substancial da produção cinematográfica no Rio Grande do Sul", afirma Werner. O projeto pretende atrair produções do Mercosul e co-produções com a Europa e com o centro do País. O ator Werner Schünemann mal deixou as locações do filme de Beto Souza e Tabajara Ruas Netto, Perde Sua Alma, em que faz o protagonista, e já dá espaço novamente ao diretor. Na semana que vem, começa a dirigir o longa-metragem em 35 mm Mar Doce, com Carlos Alberto Ricelli como ator principal. O diretor, também roteirista, define o filme como um "documentário de aventura". A idéia é registrar casos que realmente aconteceram na Lagoa dos Patos, onde será rodado, como o recente naufrágio de um navio ou a entrada dos europeus no Estado, pelo Porto de Rio Grande, um dos pontos da lagoa. Ele explica que não é um documentário puro e que a condução da história é dramática. "A lagoa é o personagem mal-humorado do filme", brinca Werner. Ele conta que a lagoa, maior concentração de água doce da América Latina, é tão perigosa que já houve quatro tentativas de produção no local e nenhuma delas chegou ao fim. O filme deve ser lançado até setembro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.