Richard Gere quer falar com acusado de crimes de guerra

O ator Richard Gere, que concluiu recentemente a filmagem em Sarajevo do filme "Spring Break in Bosnia", revelou que quer se encontrar com o ex-líder servo-bósnio e suposto criminoso de guerra Radovan Karadzic."Assim que cheguei aqui, perguntei às pessoas se era possível que eu me encontrasse com Karadzic", disse o ator na quarta-feira, em entrevista coletiva em Sarajevo. "A maioria deles me disse que isso era impossível e que nem sequer pensasse nisso", acrescentou.Em "Spring Break in Bosnia", três jornalistas americanos tentam encontrar Karadzic, cuja cabeça é avaliada nos EUA em US$ 5 milhões. O filme é baseado na história do jornalista americano Scott Anderson.O Tribunal Penal Internacional da Antiga Iugoslávia (TPII) apresentou há mais de 11 anos uma acusação contra Karadzic por genocídio, que inclui a responsabilidade pelo massacre de mais de 8 mil homens muçulmanos. Desde então, Karadzic se esconde da Justiça.

Agencia Estado,

22 de setembro de 2006 | 17h25

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.