Divulgação
Divulgação

'Remember', dirigido por Atom Egoyan, é exibido em Veneza

Longa traz o veterano Christopher Plummer interpretando um sobrevivente de Auschwitz; confira o trailer original

Michael Roddy, Reuters

10 de setembro de 2015 | 17h29

VENEZA - O ator Christopher Plummer interpreta um sobrevivente de Auschwitz que procura um ex-guarda do campo de concentração em um filme que explora os temas da memória e da raiva incessante.

Em "Remember", do diretor canadense Atom Egoyan, que compete pelo principal prêmio do Festival Internacional de Cinema de Veneza, Plummer, de 85 anos, vive Zev, morador de um lar judeu para idosos de Nova York assolado pela demência.

A pedido do colega de asilo Max (Martin Landau), e por tê-lo prometido à sua falecida esposa Ruth, Zev sai escondido certa noite para procurar o segurança do campo e matá-lo com uma pistola Glock.

"É a última vez que podemos contar esta história no presente. Em 10 anos teria sido um filme de época", disse Egoyan à Reuters em uma entrevista, referindo-se à idade avançada dos remanescentes do Holocausto.

"É muito importante entender que, embora todos adoraríamos viver com o clichê de que o tempo cura todas as feridas, e que existe a possibilidade da reaproximação, há muitas pessoas que vivem revoltadas."

"Há muitas pessoas que ainda estão revoltadas como se fosse ontem."

Plummer, cujo papel mais famoso foi o do capitão Von Trapp em A Noviça Rebelde (1965), não esteve em Veneza para a estreia, mas declarou em entrevista coletiva por videoconferência que ficou intrigado com o personagem de Zev, cuja memória tem idas e vindas.

Também integram o elenco, Bruno Ganz, Dean Morris, Jürgen Prochnow, Martin Landay. 

(Colaborou Hanna Rantala)

 

Tudo o que sabemos sobre:
cinemaFestival de Veneza

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.