Receitas do filme 'Garçonete' viram febre na internet

Inúmeros sites já publicaram receitas das tortas da personagem Jenna, interpretada pela atriz Kery Russell

ANSA,

07 Outubro 2022 | 10h54

A nova febre que toma conta da Internet atualmente são as receitas das tortas do filme Garçonete (Waitress, 2006), que já está nas telas brasileiras, o último trabalho da cineasta nova-iorquina Adrienne Shelly. Inúmeros sites e blogs publicaram as receitas das tortas criadas por Jenna, interpretada por Kery Russell, uma jovem garçonete cuja vida é atormentada pela idéia de ter um filho do marido não amado.   Veja também:  Trailer do filme 'Garçonete'    As tortas inventadas por Jenna têm nomes criativos como Não quero ter um filho de Earl ou Não posso ter uma relação porque é errado e ainda Miserável fracassada grávida que se auto-compadece.   Cada uma das receitas descritas no cinema pela protagonista encontraram espaço nas páginas eletrônicas dedicadas à cozinha e viraram moda.   Garçonete é uma comédia romântica que agradou ao público e à crítica, e que representa mais uma vez o casamento entre cinema e comida que, no passado, decretou o sucesso de filmes como Chocolate (2000) e Il Pranzo di Babette (tradução livre: O almoço de Babette, 1987).   Jenna é uma garçonete encurralada em um triste casamento que sonha vencer o prêmio de US$ 25 mil pela melhor torta em um concurso gastronômico. Atormentada pelo marido Earl (Jeremy Sisto), descobre que está grávida e se apaixona pelo seu ginecologista (Nathan Fillion). Jenna descreve os seus estados de ânimo inventando receitas.   Nestes sites é possível encontrar as receitas das tortas de Jenna porque, quem assistir ao filme, provavelmente terá vontade de experimentá-las: http://www.bakespace.com/ e http://%20www.beautyandthedirt.co.uk/   Adrienne Shelly, responsável pela direção e roteiro do filme, escreveu o roteiro de Garçonete enquanto estava grávida de sua filha, Sophie, há três anos, inspirando-se nos seus próprios medos.   Três anos mais tarde o roteiro tomou forma, mas a autora não pôde desfrutar do sucesso. Ela morreu aos 40 anos, em novembro do ano passado.

Mais conteúdo sobre:
Garçonete internet febre receitas

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.