Raúl Castro elogia filme de Al Gore que concorre ao Oscar

O ex-vice-presidente dos Estados Unidos Al Gore recebeu neste domingo, 25, um inesperado apoio do presidente em exercício de Cuba, Raúl Castro, sobre a nomeação ao Oscar de seu documentário Uma Verdade Inconveniente, a respeito das mudanças climáticas. O jornal dominical da Juventude Comunista informou que Raúl Castro "reconheceu o esforço do ex-vice-presidente em denunciar" o aquecimento global, durante uma reunião de duas horas realizada na sexta-feira com líderes juvenis. Durante o mês de fevereiro, o canal de televisão estatal cubano exibiu o documentário de Gore, An Inconvenient Truth (título em inglês), em horário nobre, dando ao político democrata a maior publicidade positiva recebida no país por um líder norte-americano em décadas. Uma Verdade Inconveniente, uma adaptação para o cinema da palestra de Gore que pede medidas para reduzir a emissão de gases do efeito estufa, foi nomeada ao Oscar na categoria de Melhor Documentário. Elogios oficiais a autoridades norte-americanas são raros em Cuba, que se considera em guerra com os Estados Unidos desde que esse país impôs um embargo comercial e outras sanções à ilha.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.