Axel Schmidt/ Reuters
Axel Schmidt/ Reuters

Processo por estupro contra Luc Besson é arquivado pelo MP de Paris

Caso foi aberto por uma mulher que acusou o cineasta de tê-la estuprado em várias ocasiões

Redação, AFP

25 de fevereiro de 2019 | 13h07

O Ministério Público de Paris arquivou nesta segunda-feira, 25, após nove meses de investigações, o caso aberto por uma mulher que acusou o cineasta Luc Besson de tê-la estuprado em várias ocasiões, anunciaram os promotores e o advogado do diretor francês.

"O sr. Luc Besson viu com satisfação a decisão da Promotoria Pública da República de arquivar as acusações da sra. Sand Van Roy, as quais sempre negou formalmente", afirmou seu advogado Thierry Marembert em um comunicado.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.