Robyn Beck/AFP
Robyn Beck/AFP

Pressionado, Will Smith pede desculpa a Chris Rock após agressão no Oscar

Ator e comediante usou as redes sociais no começo da noite para se retratar; leia íntegra

Redação, O Estado de S. Paulo

28 de março de 2022 | 20h44

O ator Will Smith se desculpou com Chris Rock em suas redes sociais após ter  dado um tapa no rosto do comediante na noite do Oscar, 27, por Rock ter feito uma piada sobre Jada, mulher do protagonista de King Richard, em  um  momento que viralizou e deixou o público atônito. "A violência em todas as suas formas é venenosa e destrutiva. Meu comportamento no Oscar de ontem à noite foi inaceitável e imperdoável. Piadas às minhas custas fazem parte do trabalho, mas uma piada sobre a condição médica de Jada era demais para mim e reagi emocionalmente.", escreveu Smith.

Ao apresentar o prêmio de melhor documenário com um breve número de comédia, Rock fez uma piada comparando o cabelo curto de Jada Pinkett Smith com a personagem de cabelo raspado de Demi Moore no filme de 1997 GI Jane. "Mantenha o nome da minha mulher fora da p**** da sua boca", gritou Smith, o que levou os produtores a cortar o áudio da transmissão pela TV por alguns segundos. Confira como foi a cobertura ao vivo da cerimônia de premiação do Oscar 2022.


Após a repercussão do cena do tapa, Smith e Rock foram o assunto do dia, dividindo internautas que apoiaram sua pronta ação em defender a mulher aos que criticaram a postura do ator. Após a noite de domingo, 27, a a organização do Oscar, a Academia, estuda uma punição para Smith, que recebeu, pela primeira vez, uma estatueta em sua carreira pelo filme King Richard

Leia o pronunciamento de Will Smith nas redes sociais:

A violência em todas as suas formas é venenosa e destrutiva. Meu comportamento no Oscar de ontem à noite foi inaceitável e imperdoável. Piadas às minhas custas fazem parte do trabalho, mas uma piada sobre a condição médica de Jada era demais para mim e reagi emocionalmente.

Eu gostaria de me desculpar publicamente com você, Chris. Eu estava fora de linha e estava errado. Estou envergonhado e minhas ações não foram indicativas do homem que quero ser. Não há lugar para violência em um mundo de amor e bondade.

Também gostaria de pedir desculpas à Academia, aos produtores da cerimônia, a todos os participantes e a todos que assistem ao redor do mundo. Eu gostaria de me desculpar com a Família Williams e a Família King Richard. Lamento profundamente que meu comportamento tenha manchado o que tem sido uma jornada linda para todos nós.

Trabalho para melhorar 

Sinceramente,

Will

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.