Prêmio ABC consagra "Cidade de Deus"

Fernando Meirelles não cabia em si de tanta alegria na sexta-feira à noite, logo após o encerramento da cerimônia de entrega do Prêmio ABC de Cinematografia, na Cinemateca Brasileira. Muito natural para quem assistiu, na qualidade de espectador privilegiado, aos seus principais colaboradores no filme Cidade de Deus ganharem nas três categorias dedicadas ao longa-metragem: fotografia (Cesar Charlone), direção de arte (Tulé Peake) e som (Guilherme Ayrosa e Paulo Ricardo Nunes; Martin Hernández e Alessandro Laroca; e Rudi Pi e Adam Sawelson).VencedoresLonga-metragemFotografia - Cesar Charlone (Cidade de Deus) Arte - Tulé Peake (Cidade de Deus) Som - Guilherme Ayrosa e Paulo Ricardo Nunes; Martin Hernández e Alessandro Laroca; Rudi Pi e Adam Sawelson (Cidade de Deus)Direção de fotografiaCurta - Adrian Teijido (A Janela Aberta) Filme publicitário - Lauro Escorel (Gisele, Rodrigo) Videoclipe - Ricardo Della Rosa (Bullet in the Blue Sky, Sepultura) Programa de TV - Adriano Goldman (Cidade dos Homens - Correio) E não só. Nas demais categorias, a O2, produtora do qual Meirelles é sócio, ficou com os prêmios de fotografia em curta-metragem (Adrian Teijido, por A Janela Aberta, filme selecionado para o Festival de Cannes) e programa de televisão (Adriano Goldman, por Correio, episódio da série Cidade dos Homens). "Só não levamos em videoclipe, que não fazemos, e em publicidade, que é uma das principais atividades da casa", disse ao Estado.Há um quê de ironia na constatação. Afinal, o cineasta foi acusado por uma parte significativa da crítica de abusar da estética publicitária em Cidade de Deus. Em função disso, o reconhecimento ganhou contornos de uma pequena vingança no sorriso escancarado do diretor, que recebeu o prêmio de fotografia em nome de Cesar Charlone, ausente da cerimônia porque está filmando no México. Walter Carvalho, ganhador da categoria no ano passado, e concorrente este ano com dois filmes, Abril Despedaçado e Madame Satã, entregou o troféu.Leia mais.

Agencia Estado,

12 de maio de 2003 | 13h20

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.