Pré-estréia de 007 reúne 2,5 mil em SP

"James Bond? Ah, sim, gosto muito dele. Aliás, meu nome é Fond, Ghelfond", brinca Eduardo Ghelfond, 42 anos, biomédico que se diz fã do agente inglês, colecionador dos DVDs da série e dos relógios do 007. Mas na hora das perguntas mais detalhadas... "Não gosto muito desse ator novo, não. Prefiro aquele outro ator lá, aquele... O mais velho. Não lembro o nome de um nem de outro. Qual o meu filme favorito? Aquele lá, aquele... que tem o mar, um carro e umas garotas. Qual o nome mesmo?", responde muito vagamente o biomédico.Se fosse um vestibular para fãs, Ghelfond e muitos dos 2.500 convidados da Fox Filmes para a pré-estréia de 007 - Um Novo Dia para Morrer, terça à noite, certamente seriam reprovados. Mesmo não sabendo ao certo o nome dos atores ou dos episódios, milhares de pessoas formaram uma fila imensa logo cedo para garantir o lugar em uma das 11 salas do UCI do Jardim Sul, onde ocorreu a pré-estréia."Gosto muito do James Bond", diz Alice Bertolucci, 63 anos, comerciante, uma das primeiras da fila. Nem um pouco intimidada com a presença do marido, o também comerciante Vicente Bertolucci, 65 anos, ela dispara: "Para mim, esse ator novo aí é o homem perfeito. Ele me fascina. Não sei o nome dele. Mas ele é muito lindo."Exibindo uma cara resignada por causa das duas horas de espera na fila, o marido Vicente diz: "Não gosto de James Bond. É muita mentira, muito exagero. Mas vim acompanhar minha mulher."Dentro do Jardim Sul, uma superprodução cheia de gelo seco, estandes de bebidas, maquiagem e relógios. Produtos apresentados à platéia por covers do agente inglês e uma série de Bondgirls à moda antiga, com cabelos compridos e vestidos colantes. Uma versão completamente diferente da nova, interpretada por Halle Berry.A modelo Pamella Mammers (aliás, nome de batismo digno de uma Bondgirl), 20 anos, assumia o ar fatal ao recepcionar os convidados. "Sempre gostei da série. Vejo os filmes para observar aquelas loiras com aqueles vestidos chiquérrimos", diz a moça, que sabia de cor a letra de Die Another Day, canção de Madonna que faz parte da trilha do filme, mas não conseguia citar o nome de seu episódio predileto."Gosto do James Bond, mas me acho mais parecido com o Clark Kent", diz Oberdan Lima, 29 anos, modelo que fazia as vezes do agente em um estande de produtos. "Vi vários filmes da série na sessão da tarde. Mas, sinceramente, não lembro de nenhum."Mas entre os 2.500 convidados, houve quem soubesse um pouco mais sobre a série. "Para mim, 007 - Os Diamantes são Eternos com Sean Connery é o melhor. Gosto muito desse James Bond atual, o Pierce Brosnan. E a Halle Berry como Bondgirl também está perfeita", diz Heloísa Alonso, 45, empresária.O marido, Wagner Martins, 48 anos, engenheiro, concorda em parte: "Para mim, ninguém melhor do que o Roger Moore. Mas esse episódio mais recente também é ótimo. Com muita ação e muito glamour. E viva o James Bond, o homem que sempre tem smokings impecáveis e belas mulheres!"

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.