Pedro Almodóvar recebe Prêmio Príncipe de Astúrias

O diretor de cinema espanhol Pedro Almodóvar recebeu hoje o Prêmio Príncipe de Astúrias das Artes 2006 por sua carreira reconhecida internacionalmente.Almodóvar, de 54 anos, venceu concorrentes como o compositor britânico Andrew Lloyd Webber, o arquiteto japonês Tadao Ando e a violinista alemã Anne-Sophie Mutter.Desde Pepi, Luci e Bom (1980) sua filmografia cresceu, reunindo títulos como Matador (1985) Mulheres à Beira de um Ataque de Nervos (1987), De Salto Alto (1990), Tudo Sobre Minha Mãe (1999), que recebeu o Oscar de melhor filme estrangeiro, e Má Educação (2004).Seu último filme, Volver, competirá na seção oficial do Festival Internacional de Cinema de Cannes, que começa hoje com a exibição do polêmico O Código da Vinci, filme de Ron Howard estrelado por Tom Hanks e baseado no best-seller homônimo de Dan Brown.O júri do Prêmio Príncipe de Astúrias das Artes descartou no processo de escolha candidaturas como as dos cineastas Bernardo Bertolucci e Milos Forman, que estavam entre as 44 selecionadas.Nas últimas edições, o prêmio foi concedido a personalidades como o fotógrafo brasileiro Sebastião Salgado, Santiago Calatrava, Vittorio Gassmann, Woody Allen, Paco de Lucía, Miquel Barceló e às dançarinas Maya Plisetskaya e Tamara Rojo, que o receberam em 2005.Este é o terceiro dos oito Prêmios Príncipe de Astúrias a serem entregues este ano. O prêmio de Comunicação e Humanidades foi concedido à National Geographic e o de Cooperação Internacional, a Bill Gates e sua esposa Melinda.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.