Owen Wilson, o herói sob medida para Hollywood

Hollywood atendeu à convocação militarda Casa Branca, que quer filmes patrióticos para levantar amoral da população. Chega aos cinemas dos Estados Unidos estefim de semana o filme que já tem feito sucesso muito antes deestrear, Behind Enemy Lines. A fita foi consagrada pelopúblico em sessões de teste e até seu trailer é aplaudido. Emconseqüência de tanta expectativa, a indústria do cinema ganhaum novo astro. O texano Owen Wilson, conhecido por papéiscômicos, vira herói de filmes de ação.Behind Enemy Lines conta a história de um piloto da Marinha (Wilson) quetem seu avião derrubado durante uma missão de reconhecimento naBósnia. O militar consegue ejetar seu assento antes de o aviãoexplodir, mas aí é que começam seus problemas. Ele tem de evitarser capturado pelos inimigos enquanto um comandante (GeneHackman) organiza uma tentativa ilegal de resgate. Esqueça Rambo, Sylvester Stallone e tudo que você já viu em filmes do tipo.Efeitos especiais e muita ação fazem com que o filme seja comparável a produções como Missão Impossível, porexemplo.O filme de US$ 60 milhões tinha estréia prevista para 18 dejaneiro, mas já ganhou o boca-a-boca fez com que o estúdio20th Century Fox adiantasse seu lançamento. Nada melhordo que um filme de guerra em época de guerra, especialmente umacom tanto apoio popular. Para ajudar ainda mais na promoção,bastou relacioná-lo com as tropas no Afeganistão:pré-estréias foram realizadas na base militar de North Island,em San Diego, com direito à festa no porta-aviões USS Nimitz, eno USS Carl Vinson, estacionado no Mar da Arábia. Para o próximo fim de semana, o estúdio espera uma bilheteriagrande para Behind Enemy Lines e a consagração de seuprotagonista. Wilson, de 33 anos, é um dos nomes mais quentes deHollywood no momento, por conta de hits como Bater ou Correr, Entrando numa Fria, o recente Zoolander e o aindainédito The Royal Tenenbaums. Este filme, sucesso de críticae público em festivais de cinema, também tem roteiro do ator, emparceria com o diretor Wes Anderson. Também são trabalhosconjuntos deles as comédias cults Bottle Rocket (1996) eRushmore (1998). Hackman recomendou Wilson para o diretor John Moore depois deassistir a seu trabalho ao lado de Jackie Chan na comédiaBater ou Correr, do ano passado. Na mesma época, Wilson eAnderson já tinham escrito um papel especialmente para Hackmanem The Royal Tenenbaums, que chega aos cinemas dos EstadosUnidos no dia 14. Na comédia sobre uma excêntrica família degênios, também está seu irmão Luke Wilson, namorado de GwynethPaltrow. O elenco do filme também tem Ben Stiller,Anjelica Huston, Bill Murray e Danny Glover. Luke acha que o irmão, com uma carreira que mistura fitas decomédia e ação, pode vir a ser o novo Mel Gibson. Em cinco anosem Hollywood, Owen tem ainda em seu currículo papéis pequenos emblockbusters como Armageddon e Anaconda. Em BehindEnemy Lines, seu trunfo, segundo o diretor, é conseguir fazercom que o herói seja um sujeito normal, cheio de inseguranças, oque dá realismo à trama. Moore também ficou impressionadocom o condicionamento físico do ator. Wilson roda atualmente no Canadá a comédiaI Spy, em que contracena com Eddie Murphy.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.