Oscar infla cachê de Julia Roberts

As roupas e as jóias emprestadas ainda estão sendo devolvidas, mas os analistas da indústria de Hollywood já fazem previsões para o futuro de Julia Roberts. A mulher mais poderosa de Hollywood, cujos filmes faturaram US$ 1,5 bilhão só nos Estados Unidos, agora é dona de um Oscar, o que significa que seu salário deve chegar a US$ 25 milhões por filme. Mas há quem aposte que a atriz possa vir a faturar mais do que os mais poderosos atores do cinema em breve.Seus últimos filmes, O Casamento do Meu Melhor Amigo, Um Lugar Chamado Notting Hill, Noiva Em Fuga e Erin Brockovich - Uma Mulher de Talento, ultrapassaram todos a marca dos US$ 100 milhões, o que garantiu que ela não aceitasse mais nenhum papel por menos de US$ 20 milhões, o mesmo salário de Will Smith, Jim Carrey e Bruce Willis. As outras mulheres mais bem-pagas de Hollywood, Meg Ryan e Sandra Bullock, ainda ganham entre US$ 12 milhões e US$ 15 milhões por filme.Mesmo depois de liderar a lista das celebridades mais poderosas de Hollywood no ano passado (o ranking da Forbes mede o poder de faturamento e a credibilidade das estrelas americanas) ela ainda continua subindo. The Mexican, em que Roberts contracena com Brad Pitt, chegou aos US$ 60 milhões em poucos dias. Para seus dois próximos trabalhos, America´s Sweethearts e Ocean´s Eleven, ela teria feito acordos para levar porcentagens da bilheteria, além do salário. A estratégia está sendo usada por Tom Cruise (que teria levado US$ 145 milhões com o faturamento de Missão Impossível 2) e Tom Hanks (que teria embolsado US$ 60 milhões por Forrest Gump). Mas há quem aposte que se America´s Sweethearts arrecadar mais que US$ 150 milhões nos cinemas americanos, a atriz poderia exigir salários de US$ 30 milhões por trabalho.É claro que a atriz não leva todo o dinheiro para a casa, já que os cachês são podados pelos impostos americanos e pelas altas comissões de agentes e seguradoras do país (de acordo com a Forbes, Roberts faturou US$ 19 milhões no ano passado). Mas nada mal para a menina nascida na cidadezinha de Smyrna, no estado da Geórgia, que começou a ser notada como uma das garçonetes do filme Mystic Pizza, em 1988.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.