Matt Sayles/AP
Matt Sayles/AP

Oscar exigirá testes de covid-19 para todos e vacinas para maioria

Os indicados e seus convidados nas seções inferiores do teatro não serão obrigados a usar máscaras

Reuters, O Estado de S.Paulo

18 de fevereiro de 2022 | 10h55

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood exigirá que os convidados da 94ª cerimônia do Oscar, em março, apresentem comprovantes de vacinação contra a Covid-19 e pelo menos dois resultados negativos de testes PCR, disse uma pessoa com conhecimento do assunto na quinta-feira.

Artistas que irão se apresentar na cerimônia e apresentadores da maior premiação da indústria cinematográfica mundial também terão que passar por testes PCR, mas não precisarão mostrar prova de vacinação, segundo a fonte.

A obrigatoriedade de cobertura vacinal irá variar no evento de 27 de março no Dolby Theatre, em Hollywood, de acordo com a fonte.

Os indicados ao Oscar e seus convidados nas seções inferiores do teatro não serão obrigados a usar máscaras. Eles estarão sentados com mais distância do que o habitual entre os grupos, disse a fonte. O Dolby acomoda 3.317 pessoas, mas somente 2.500 serão convidadas.

Aqueles sentados no mezanino podem ser obrigados a usar máscaras, pois ficarão sentados ombro a ombro. Os casos de Covid-19 estão diminuindo no condado de Los Angeles e os organizadores estão consultando autoridades do governo e especialistas em doenças infecciosas.

As políticas de vacinação foram relatadas pela primeira vez pelo New York Times.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.