Niko Tavernise/Netflix via AP
Niko Tavernise/Netflix via AP

Oscar 2021: cinco fatos inesperados na lista de indicados ao prêmio

A história do Oscar sempre é marcada por surpresas - agradáveis ou não. Não poderia ser diferente com as indicações para este ano

Ubiratan Brasil, O Estado de S.Paulo

15 de março de 2021 | 17h06

A história do Oscar sempre é marcada por surpresas - agradáveis ou não. Não poderia ser diferente com as indicações para este ano. Veja, a seguir, cinco fatos inesperados na lista divulgada nesta segunda-feira, 15.


 

Aaron Sorkin esnobado na lista de diretores

Os 7 de Chicago recebeu indicações de Melhor Filme, Melhor Roteiro Original, Melhor Ator Coadjuvante, mas a Academia ignorou Aaron Sorkin entre os diretores - provavelmente sua vaga foi ocupada pelo dinamarquês Thomas Vinterberg, por Druk - Mais uma Rodada. Se serve como consolo, ele tem como companhia nomes também esquecidos como Regina King, Shaka King, Darius Marder e Florian Zeller.



 

LaKeith Stanfield, surpresa na lista de Melhor Ator Coadjuvante

Foi a primeira indicação do ator de Judas e o Messias Negro entre as premiações do cinema - ele foi esquecido, por exemplo, no Globo de Ouro, Bafta e até no SAG. O curioso é que os produtores buscavam uma indicação na categoria principal, para evitar confronto, entre os coadjuvantes, com Daniel Kaluuya. Com isso, um pode diminuir a força do outro.

 


 

Melhor filme, sem 'A Voz Suprema do Blues' e 'Uma Noite em Miami'

Os dois longas ficaram de fora da briga pelo Oscar principal, o de melhor produção do ano, apesar de laureados em outras premiações e do bom número de indicações para o Oscar: cinco para A Voz Suprema (Melhor Ator, Melhor Atriz, Figurino, Desenho de Produção e Maquiagem e Penteado) e três para Uma Noite (Ator Coadjuvante, Roteiro Adaptado e Canção Original).




 

'Destacamento Blood', outro esnobado

Uma única indicação (Trilha Sonora Original) conseguiu o filme de Spike Lee, Destacamento Blood. A relação entre o cineasta e a Academia voltou a esfriar, depois de uma tentativa de aproximação com Infiltrado na Klan, de 2018. Nem o falecido Chadwick Boseman conseguiu indicação para Melhor Ator Coadjuvante.


 


 

'Borat: Fita de Cinema Seguinte' surpreende na lista de Roteiro Adaptado

A expectativa da imprensa especializada era a indicação de Maria Bakalova para Melhor Atriz Coadjuvante, mas não era esperada a presença na lida de Roteiro Adaptado. O que diminui a surpresa foi o fato de o roteiro ter sido indicado também na premiação do sindicato dos roteiristas, o Writers Guild of America Awards. Outra surpresa foi o fato de Priyanka Chopra Jonas dizer o nome completo do filme: Borat Subsequent Moviefilm: Delivery of Prodigious Bribe to American Regime for Make Benefit Once Glorious Nation of Kazakhstan.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.