Os melhores quitutes das salas da Mostra

Entre um filme e outro, sempre sobra tempo para um lanchinho

Cynthia Almeida Rosa e Caio Quero,

07 Outubro 2018 | 18h11

Cine Bombril - é um café sem grandes pretensões. As melhores compras são o pacote de marshmallow (R$ 2,50) e o chocolate Twix (R$ 3).   Veja também: Especial da 31.ª Mostra   Cine Tam - a carta de cafés enche os olhos, mas é mal-executada. Prefira uma fatia da crostata de doce de leite (R$ 5).   Cinemark Eldorado - possui um leque de opções para quem gosta de junk food, como o sorvete Eskibon (R$ 6) e refrigerantes de 1 litro (R$ 6,25). Para os paladares mais refinados, expresso Suplicy (R$ 3,50).   Cinemateca - merecia um espaço melhor. Fique com as balas Halls (R$ 1) e o trio de chocolate Alpino (R$ 1,50).   Cinesesc - é a única sala da cidade onde é possível assistir a um filme sentado nas cadeiras de um charmoso barzinho. Bolos e tortas custam entre R$ 1,50 e R$ 3; tem também quiche de alho-poró (R$ 3). Para beber, Bohemia em lata (R$ 3).   Espaço Unibanco - ganhou recentemente uma unidade do Café do Ponto. O expresso mais dois pães de queijo valem R$ 5,40. No café antigo das salas 4 e 5, a fatia do bolo de nozes sai R$ 4,90.   Frei Caneca Unibanco Arteplex - o balcão do café é recheado de guloseimas, mas vá direto ao que interessa: biscoitos de queijo (R$ 3,50).   HSBC Belas Artes - serve, além de pipoca, opções como pão de queijo (R$ 2) e croissant de presunto e queijo (R$ 2,50).   IG Cine - o melhor item é a empanada (R$ 3,50), mas vale experimentar a quiche de abóbora com carne seca (R$ 4,50).   Reserva Cultural - Quem quiser comer pipoca vai ter de comprar seu saquinho em outro lugar. Mas o café Pain de France serve boas opções, como o pain au chocolat (R$ 3,50) e o croissant de amêndoas (R$ 9). O cafezinho custa R$ 2.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.