Os anos 90 vão às telas em "Geração X"

Um dos livros que definiram os anos 90 vai finalmente ser levado para as telas. Geração X, o livro de estréia do escritor Douglas Coupland, teve seus direitos comprados pela empresa Muse Productions, responsável nos últimos tempos por filmes independentes importantes, como O Psicopata Americano e As Virgens Suicidas.A década de 00 promete popularizar o trabalho do autor canadense. Outros livros dele também estão em produção para a TV e devem chegar à telinha a partir de 2002. Generation X: Tales for an Accelerated Culture é sobre um grupo de amigos de 20 e poucos anos que mora em Palm Springs, na Califórnia. Eles são educados demais para seus empregos medíocres, os "Mac jobs", e estão desiludidos com a cultura massificada da sua geração. Uma de suas manias é a obsessão com histórias de uma guerra nuclear.O livro, que nunca foi lançado no Brasil, virou cult em várias partes do mundo e foi o responsável pela popularização da expressão "geração X", entre os vários neologismos criados pelo autor (a edição lançada em Portugal, com sua tradução que garantia um humor extra, circulou em meados dos anos 90 entre jovens brasileiros antenados com a época).Hollywood representou o grupo nas telas em produções como Reality Bites e Before Sunrise, estrelados por nomes que ganharam espaço no cinema, como Robert Downey Jr., Winona Ryder e, principalmente, o diletante Ethan Hawke. O novo filme deve começar a ser rodado no final deste ano ou início do próximo. O escritor lançou nove livros desde 1991 e dois deles estão em fase de adaptação para a TV: Girlfriend in a Coma é produzido pela New Line Television e Shampoo Planet é desenvolvido para a emissora CBS pela empresa do ator John Malkovich, a Mr. Mudd, em parceria com a Studios USA e a Granada Entertainment.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.