Organizadores temem por baixa audiêndia da cerimônia

Os organizadores do Oscar esperam que um novo apresentador e as repercussões do favorito O Segredo de Brokeback Mountain possam aumentar o interesse no evento deste domingo, mesmo que os indicados não tenham sido grandes hits. A premiação geralmente tem suas maiores audiências em anos em que participam grandes blockbusters como Titanic ou o O Senhor dos Anéis.O conjunto de indicados deste ano para melhor filme tem sido considerado um triunfo artístico, levando à premiação filmes instigantes. No entanto, nenhum dos indicados teve bilheterias suficientemente altas para trazer espectadores ao Oscar.Mesmo assim, O Segredo de Brokeback Mountain tornou-se um fenômeno que vai muito além das pessoas que viram, de fato, o filme. A história dos dois cowboys apaixonados - interpretados pelos indicados Heath Ledger e Jake Gyllenhaal - faz parte da cultura pop.O filme saiu vencedor em premiações anteriores - incluindo o Globo de Ouro - e era esperado que ganhasse também os troféus de melhor filme e direção, fazendo de Ang Lee o primeiro diretor asiático a receber o prêmio. Mesmo assim, o drama Crash, com seu enorme elenco de personagens e múltiplas histórias, é um forte competidor. Os outros indicados ao prêmio de melhor filme são Capote, sobre o escritor Truman Capote, Boa Noite e Boa Sorte, com a história do jornalista Edward R. Murrow e Munique, que remete ao assassinato dos atletas israelenses nas Olimpíadas de Munique. As categorias de atuação tem, também, favoritos claros: esperava-se que Philip Seymour Hoffman ganhasse o troféu de melhor ator por Capote e Reese Witherspoon o de melhor atriz por Johnny e June. Mas com fortes competidores, o prêmio pode ir para qualquer um dos indicados, em qualquer das duas categorias.O grupo de indicados a melhor ator estava especialmente competitivo com Hoffman e Ledger, além de Strathairn e Joaquim Phoenix de Johnny e June. Na categoria de melhor atriz, Witherspoon enfrentou a forte competição de Felicity Huffman, estrela da série Desperate Housewives, interpretando o papel de um homem preparando-se para cirurgia de mudança de sexo em Transamerica.

Agencia Estado,

05 de março de 2006 | 21h22

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.